Caminhões começam a ser fiscalizados no Anel Rodoviário de Belo Horizonte

Começou nesta segunda-feira (11) a fiscalização de caminhões que percorrem o Anel Rodoviário de Belo Horizonte, Minas Gerais. A primeira blitz acontece na altura do Bairro Olhos D’água, na região do barreiro, trecho conhecido pelo alto índice de acidentes. 
A fiscalização desta segunda-feira conta a participação da Polícia Militar Rodoviária (PMRv), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e de técnicos cedidos pela Concessionária VIA040, responsável pela administração da BR-040 e o trecho do Anel Rodoviário entre o bairro Olhos D´Água (entroncamento com a BR-356) e a avenida Amazonas.
Durante as abordagens estão sendo fiscalizadas as condições mecânicas dos veículos, a regularidade dos documentos e a situação física dos motoristas. Enquanto os policiais verificam documentação e outros aspectos, os técnicos realizam uma verificação nos veículos, tanto da parte mecânica (freios, por exemplo) como da elétrica (faróis). 
No primeiro dia de fiscalização, a irregularidade mais encontrada é o mal estado de conservação de pneus. Segundo o comandante de policiamento do Anel Rodoviário em Belo Horizonte, Tenente Pedro Henrique Barreiros, a má conservação de pneus é a infração mais cometida e encontrada no trecho entre o bairro Olhos D’água, na região do Barreiro até o bairro Califórnia, na região Noroeste. “Isso chama atenção porque é um trecho de intenso declive e o item pode ajudar muito na hora de fazer usar o freio de forma mais brusca”, comenta. 
Apesar do caráter educativo do primeiro dia de fiscalização, todos os motoristas e veículos flagrados em condições irregulares estão sendo multados e retidos até a regularização da infração. 
As inspeções de caminhões são o primeiro passo do plano que tem como principal objetivo restringir a circulação de caminhões no trecho rodoviário que corta a capital mineira. A expectativa do grupo de trabalho responsável pelo plano emergencial da Prefeitura de Belo Horizonte é de que a restrição comece a valer ainda no primeiro semestre de 2018, inicialmente no trecho do Anel entre o bairro Olhos D´Água (entroncamento com a BR-356) e a avenida Amazonas, de responsabilidade da VIA040. 

LEIA: Prefeitura de Belo Horizonte restringirá o tráfego de caminhões no Anel Rodoviário
LEIA: Restrição a caminhões no Anel Rodoviário de BH começará em fevereiro 
LEIA: Sindicato considera inviável a restrição a caminhões no Anel Rodoviário de BH

TEXTO: Lucas Duarte
Blog Caminhões e Carretas 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário