Inovações da nova linha FH proporcionam maior produtividade e rentabilidade do transporte

31 de outubro de 2014 Category : , , 0

O FH que está sendo lançado no Brasil chega com uma série de inovações que tornam os caminhões mais eficientes e rentáveis do mercado. “São tecnologias e soluções que dão maior produtividade à operação, maior rentabilidade ao transportador e mais conforto e segurança ao motorista”, diz Alexander Boni, gerente de caminhões da linha F.
São inúmeras as novidades que a engenharia da Volvo introduziu na nova linha F. A começar pelo temporizador de marcha lenta, uma inovação bastante esperada pelo setor, para diminuir tanto o consumo de combustível como o desgaste do motor. “O preço do diesel corresponde, na média, a até 50% da planilha de custos do transportador. Este sistema ajuda na operação de transporte”, afirma Glênio Karas, engenheiro de vendas da Volvo.
Outra novidade é o alternador de alta eficiência que a nova linha ganhou. Este dispositivo diminui o consumo de energia no caminhão, poupando-a para situações onde possa ser mais útil e adequada. “Tudo na nova linha foi pensado para maximizar os benefícios e minimizar os gastos desnecessários”, destaca Alberto Neumann, gerente de estratégia de produto de caminhões do Grupo Volvo América Latina.

Tramita na Câmara projeto que cria regras para transporte de grãos em carrocerias

Category : , 0

O Projeto de Lei 7876/14, do deputado Edmar Arruda (PSC-PR), está tramitando na Câmara dos Deputados. A proposta tem como objetivo fixar regras para o transporte de sólido a granel em veículos com carrocerias abertas.
Conforme o texto do projeto, o transporte de mercadorias como grãos, adubo e areia em vias abertas à circulação pública só será permitido em veículos com carroçarias abertas que tenham guardas laterais fechadas, impedindo a perda do material.
Além disso, as cargas transportadas deverão estar totalmente cobertas por lonas ou dispositivos similares.
“As perdas de grãos no Brasil são enormes, chega-se a quase R$ 3 bilhões a cada safra, de acordo com dados da Confederação Nacional da Agricultura”, afirmou Edmar Arruda. “Além disso, o atropelamento de animais e aves silvestres deve ser levado em conta, uma vez que estes se alimentam dos grãos caídos nas rodovias brasileiras”, acrescentou o deputado.
O projeto modifica o Código de Trânsito Brasileiro (Lei 9.503/97). A proposta tramita apensada ao PL 3635/08, que trata do mesmo assunto, e aguarda análise conclusiva da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Lucro da CNH Industrial caiu 41,1% no terceiro trimestre deste ano

Category : 0

A CNH Industrial, empresa de bens de capital que congrega operações de máquinas agrícolas e de construção, além de caminhões, veículos comerciais, motores, entre outros produtos, registrou lucro líquido de US$ 162 milhões no terceiro trimestre deste ano, queda de 41,1% sobre o mesmo período de 2013.
Na mesma comparação, o resultado líquido positivo atribuído à companhia ficou em US$ 173 milhões no período de três meses encerrado em setembro, recuo de 22,42%.
No acumulado de 2014 (janeiro até setembro), o lucro líquido da companhia totalizou US$ 621 milhões, redução de 19,76% sobre os primeiros nove meses de 2013. Na comparação, o resultado líquido positivo atribuído à CNH Industrial foi de US$ 627 milhões de janeiro a setembro deste ano, alta de 1,62%.
A receita da companhia totalizou US$ 7,739 bilhões no terceiro trimestre de 2014, queda de 5,22% sobre mesmo intervalo de 2013. Nos primeiros nove meses do ano, a CNH Industrial teve receita de US$ 24,190 bilhões, 1,45% menor sobre os US$ 24,546 bilhões registrados em igual período de 2013, informou hoje a companhia.

Petrobras diz que não há decisão sobre reajuste de combustíveis

Category : 0

A Petrobras disse nesta quarta-feira que não há, até o momento, decisão de reajustar preços da gasolina e do diesel, e que o assunto é discutido frequentemente pela Diretoria Executiva e pelo Conselho de Administração da empresa.
A declaração foi feita em um comunicado ao mercado, em resposta a questionamento após divulgação de uma reportagem pelo jornal O Estado de S. Paulo, na véspera, que dizia que a estatal pretendia anunciar "em breve" um aumento dos combustíveis.
FONTE: Frota e Cia 

MAN Latin America: fábrica de Resende completa 18 anos marcados por investimentos e crescimento da região

Category : , 0

A MAN Latin America, fabricante dos caminhões e ônibus Volkswagen e dos caminhões MAN, comemora em 1º de novembro 18 anos de fundação de sua fábrica, localizada em Resende, no sul fluminense. Em 1996, quando foi inaugurada, a planta contava com 200 empregados e produzia um caminhão por dia. Hoje, a empresa, que lidera o mercado de caminhões no Brasil, é a maior empregadora privada da cidade, com mais de cinco mil funcionários, e já ultrapassou a marca de 680 mil veículos produzidos. 
Ao longo de seus 18 anos na cidade, a empresa investiu largamente em suas instalações e produtos. Até 2017, o valor aplicado chegará a R$ 4 bilhões, contribuindo para o enriquecimento tecnológico da região e crescimento econômico. A fábrica revolucionou a economia de Resende, gerando emprego e renda. A MAN Latin America é responsável hoje por 65% da arrecadação de impostos do município, o que se reverte em melhorias diretas para a população em aspectos como saúde e educação.
“Na esteira de nosso desenvolvimento e consolidação em Resende, servimos de âncora para atrair diversas empresas, como montadoras e fornecedores. Atingimos a considerada maioridade, ao chegarmos aos 18 anos, em plena maturidade de nossa operação com um relacionamento muito próximo e benefício à população de Resende e região”, observa Roberto Cortes, presidente da empresa. As contribuições ao desenvolvimento da cidade renderam ainda a instituição de 1º de novembro como o Dia da MAN Latin America em Resende.