Indústria brasileira vende mais de 154 mil implementos rodoviários em 2022

Facchini/Divulgação

71.601 carrocerias sobre chassi e 83.143 reboques e semirreboques foram vendidos em todo o Brasil; números consolidam recuperação do setor

Google News
A indústria brasileira de implementos rodoviários encerrou 2022 consolidando uma importante recuperação. A informação é confirmada pelos números oficiais da Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários (ANFIR).

De acordo com o balanço da entidade, 154.744 implementos rodoviários foram entregues em todo o Brasil de janeiro a dezembro de 2022, recuo de apenas 4,87% em relação ao acumulado de 2021, quando 162.674 exemplares foram comercializados.



Volume de emplacamentos ano a ano:
2022 – 154.744
2021 – 162.674
2020 – 121.879
2019 – 120.962
2018 – 90.193

Pelo segundo ano consecutivo o setor se posicionou em um patamar de negócios acima das 150 mil unidades o que indica consolidação da atividade”, explica José Carlos Spricigo, presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários (ANFIR). “A diferença de menos de 5% de um ano para o outro é pequena demais para se considerar como queda. Em 2022 aconteceram fatores que refletiram nesse resultado e refletirão em 2023”, completa.


Dentre os fatores destacados pela entidade está o início da comercialização dos semirreboques com 4º eixo, configuração que ganhou a preferência dos transportadores brasileiros em relação aos tradicionais bitrens. “Por isso o menor número de produtos vendidos não significou necessariamente queda nos negócios”, explica o presidente da ANFIR.


A Fenatran também refletiu nos negócios de 2022. De acordo com a ANFIR, 50 empresas do setor produtor de implementos rodoviários presentes ao evento realizaram negócios da ordem de R$ 3,5 bilhões que serão concluídos ao longo dos próximos meses. “As entregas das vendas na Fenatran começam na feira e seguem pelo ano seguinte. Isso altera positivamente o resultado de desempenho”, completa Spricigo.



Considerando cada segmento separadamente, em 2022 foram comercializadas 71.601 carrocerias sobre chassi,  leve recuo de 1,01% em relação ao total de 2021, quando foram comercializadas 72.335 unidades. 

Já o segmento de reboques e semirreboques encerrou 2022 com um total de 83.143 unidades comercializadas, queda de 7,97% em relação ao em relação ao mesmo período de 2021, quando foram comercializadas 90.339 unidades.

Confira na íntegra o balanço da ANFIR: CLIQUE AQUI


Postar um comentário

0 Comentários