Caminhões Scania 2023 terão novo freio motor e mais recursos de segurança

Scania/Divulgação

Novos sensores de ponto cego localizados nos para-lamas dianteiros e ADAS 2.0 completam a lista de novos recursos de segurança

Google News
As novidades da Scania para o próximo ano vão muito além do atendimento da nova norma de emissões Proconve P8, popularmente conhecida como Euro 6. Além de apresentar ao mercado brasileiro a nova geração de caminhões SUPER, a montadora de origem sueca também confirmou a introdução de novos recursos de segurança. Destaque para um novo freio motor, agora no cabeçote,  novos sensores de ponto cego e introdução da evolução do sistema de segurança ADAS (Advanced Driver Assistance Systems ou sistema de auxílio ao motorista).


Novo freio motor: Em total sintonia com as principais demandas do transportadores brasileiros, toda a gama Scania SUPER contará de série com freio de cabeçote CRB (do inglês Compression Release Brake), que garante melhor desempenho de frenagem auxiliar do propulsor (350Kw (475 cv)) e não necessita de manutenção. 

Já o consagrado freio hidráulico auxiliar Scania Retarder seguirá sendo ofertado como opcional e juntos podem chegar a 850 Kw (1.155 cv) de potência de frenagem.  


Novos sensores laterais: Com objetivo de mitigar de forma considerável a ausência de visibilidade nas laterais dos caminhões, a nova geração Scania 2023 contará com novos sensores localizados em ambos os para-lamas dianteiros e responsáveis por alertarem constantemente o motorista sobre a existência de veículos, pedestres e obstáculos nos pontos cegos. 

Segundo a marca, a tecnologia contará com três níveis de alertas. O primeiro será uma indicação de luz âmbar fixa (quando há uma pessoa vulnerável na estrada na lateral do veículo). O segundo alerta será um aviso por indicação de luz âmbar piscando e vibração do assento do motorista (quando ele ativa o indicador na direção do usuário vulnerável da estrada). Já o terceiro alerta será por meio de indicação de luz vermelha constante e aumento da vibração do assento (quando o condutor dirige o veículo em direção à pessoa vulnerável da estrada). Os novos sensores fazem parte do ADAS 2.0.

Lucas Duarte/Portal Caminhões e Carretas


ADAS 2.0: Em 2016 a Scania se tornou pioneira ao oferecer o sistema de segurança ADAS (Advanced Driver Assistance Systems ou sistema de auxílio ao motorista) como parte do pacote de segurança opcional. Já a partir do próximo ano, os caminhões Scania contarão com a evolução deste sistema. 

Dentre os diferenciais do ADAS 2.0 destaca-se a presença da direção elétrica ativa, que permite a correção automática da direção pelo veículo, e controle de velocidade cruzeiro com predição ativa, ativado caso o veículo não fique parado a 0km/h por mais de três segundos, voltando a acompanhar o veículo da frente em um sistema “stop and go”. 

O sistema ADAS representa o que temos de melhor no quesito de segurança ao motorista, além de exigir menos reparos e ofertar mais disponibilidade”, pontua Marcelo Gallao, diretor de Desenvolvimento de Negócios da Scania no Brasil.



Postar um comentário

0 Comentários