Volvo inicia produção em série de caminhões 100% elétricos na Europa

Volvo/Divulgação

Portfólio elétrico é composto pelos caminhões pesados FH, FM e FMX; exemplares começam a produzidos na Suécia e a partir de 2023 também na Bélgica

Google News
Cumprindo com o que vinha sendo prometido, a Volvo Trucks acaba de confirmar o início da produção em série de caminhões FH, FM e FMX 100% elétricos na Europa. Com capacidade total para 44 toneladas, os modelos consagram a marca como a primeira fabricante de caminhões elétricos pesados em escala industrial de forma regular.


Este é um marco que comprova que estamos liderando essa transformação da indústria, com a produção em série dos nossos pesados elétricos para atender os transportadores em toda a Europa. À frente, temos planos de introdução destes veículos também em outras regiões e continentes”, afirma Roger Alm, presidente mundial da Volvo Trucks.

De acordo com a montadora, a produção em série dos caminhões elétricos pesados Volvo se concentrará na fábrica de Tuve, em Gotemburgo, na Suécia. Já a partir de 2023, os modelos também passarão a ser fabricados na planta de Ghent, na Bélgica, unidade que também é responsável pela montagem das novas baterias Volvo. Além disso, os inéditos pesados elétricos serão produzidos na mesma linha de montagem do exemplares equipados com motores a combustão.



Portfólio alinhado com a crescente demanda
Composto por seis modelos elétricos, entre semipesados e pesados, o portfólio elétrico Volvo se consagra como a mais ampla gama da indústria de caminhões e está totalmente alinhado com a crescente demanda por soluções eletrificadas no transporte. Além disso, os exemplares também são capazes de atender com precisão as características operacionais do transporte rodoviário de cargas europeu. De acordo com as estatísticas da Eurostat (2018), 45% de todas as mercadorias que circulam nas estradas do continente europeu viajam distâncias inferiores a 300 km.



Mais de 1.000 caminhões elétricos vendidos
Já comercializamos cerca de 1.000 caminhões elétricos pesados. Incluindo outras faixas de peso, já são mais de 2.600 elétricos Volvo. Nossa expectativa é de que os volumes aumentem significativamente nos próximos anos. Até 2030, pelo menos 50% dos caminhões que venderemos globalmente deverão ser elétricos” comenta Roger Alm.

Atualmente o portfólio de caminhões elétricos Volvo atende ampla variedade de aplicações, como distribuição urbana, coleta de lixo, transporte regional e construção civil.

Volvo/Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários