Campanha IVECO

Transportadora britânica recusa clientes que impedem motoristas de utilizarem banheiros

Jack Richards & Son/Divulgação

Decisão foi tomada logo após um dos motoristas ser desrespeitado nas dependências de um cliente

Ao contrário do que se imagina, o desrespeito aos direitos básicos de caminhoneiros, especialmente nos locais de carga e descarga não acontecem apenas no Brasil, mas também na Europa. Ciente desta dura realidade e com o objetivo de melhorar a qualidade de vida dos profissionais, a transportadora britânica, Jack Richards & Son, anunciou neste mês uma medida inusitada: A de recusar clientes que não autorizam os motoristas a utilizarem os banheiros.

A decisão tomada pela empresa que atualmente é uma das maiores transportadoras do Reino Unido, acontece logo após um de seus motoristas ser impedido de acessar o banheiro de um cliente enquanto o caminhão era descarregado. 

“Se um motorista não tem permissão para ir ao banheiro, não há descarga. O país está passando por uma crise grande e complicada e vamos sair dela trabalhando juntos”, afirmou a transportadora em entrevista à mídia britânica. “Conosco, tratamos todos os nossos funcionários com respeito e garantimos que eles possam fazer seu trabalho com a melhor qualidade. Faz sentido esperar que nossos clientes tratem nossa equipe com respeito também.”


Diante do frequente desrespeito aos caminhoneiros britânicos, as transportadoras do país solicitaram ao ao Serviço Nacional de Saúde Britânico a emissão de uma carta com regras aplicáveis a todas as empresas britânicas, declarando que os motoristas devem ter acesso total às instalações sanitárias nas empresas onde carregam ou descarregam.

No restante da Europa, entidades como a European Transport Workers' Federation (ETF) e a The International Road Transport Union (IRU), também estão trabalhando para garantir uma maior valorização e respeito aos caminhoneiros, especialmente nos locais de carga e descarga. De acordo com as entidades, o desrespeito aos motoristas pelos clientes, também é uma das principais causas da escassez de caminhoneiros no velho continente.


Postar um comentário

9 Comentários

  1. Daq us anos vai acontecer td isso aqui nu brasil as empresas vão ficar sem motoristas porq somos tratados como um ze ninguém principalmente pelas logística e muito complicado

    ResponderExcluir
  2. Aqui no meu modesto esquema de trabalho tratamos fornecedores e clientes da mesma forma. Ambos merecem respeito.

    ResponderExcluir
  3. Desisti por falta de estrutura não tem local para cumprir o descanso exigido por lei era preciso virar noite dirigindo com sono por não ter local adequado, tinha que esperar descarga embaixo de chuva e muitos mas muitos problemas relacionados ao bem estar dos motoristas.

    ResponderExcluir
  4. Gstaria de trabalhar esta empresa ai

    ResponderExcluir
  5. E uma falta de respeito para com o proficional da direção, quando lhe e imposto só estacionar para pernoitar se pagar ou se consumir , ou abastecer no posto , e é tremo absurdo fazer isso com quem é o maior responsável por tudo que entra e sai do país, queremos respeito ,não estamos PEDI do nada de mais , só queremos o mesmo que quem nos trata dessa forma não gostaria que seus filho e esposa fossem assim tratados !

    ResponderExcluir
  6. Parabéns a empresa pela atitude ������������������

    ResponderExcluir
  7. Há tempos que vem falando dos caminhões autônomos e ninguém põe em prática essa tecnologia

    ResponderExcluir
  8. Gostaria que todo estabilicimemto tivesse banheiro limpos e agradáveis para quem quer q fosse usar, maís muitos usam os banheiros como se nunca mais fossem usar, não dar descarga é o de menos, um verdadeiro lixo, talvez Tai um dos motivos de alguns estabelecimento não fornecerem o banheiro

    ResponderExcluir

Nunca publique suas informações pessoais, como por exemplo, números de telefone, endereço, currículo etc. Propagandas, desrespeito ou ofensas não serão toleradas nos comentários.