Publicidade

Scania lança Acelerador Inteligente e passar garantir até 20% de economia de diesel

Scania/Divulgação
Além de um investimento de R$ 1.4 bilhões de reais no Brasil, a Scania inicia 2021 com novidades nos caminhões. A marca acaba anunciar o lançamento do Acelerador Inteligente, um novo opcional que garante mais 5% de economia de combustível aos modelos da Nova Geração. 


Com a introdução da nova tecnologia, os modelos produzidos pela montadora sueca passam a garantir aos transportadores uma redução de até 20% no consumo de óleo diesel, resultado da combinação entre o motor Euro 5 com sistema de injeção de alta pressão (8%), aerodinâmica externa da cabine (2%), inovações da caixa de câmbio Scania Opticruise (2%), Scania Actcruise (3%) e o novo Acelerador Inteligente Scania (5%). 


De acordo com a marca, a economia adicional proporcionada pela nova tecnologia foi comprovada em testes de campo realizados com clientes em várias condições e operações distintas, nas principais aplicações rodoviárias. Ao todo, a Engenharia Scania foi responsável pela validação dos resultados obtidos em mais de 500 mil quilômetros percorridos por caminhões 6x4 e 6x2, combinados com carretas "vandeleira", LS e rodotrens, no transporte de grãos, cargas frigorificadas, combustíveis, entre outras operações, em topografias variadas e diversas regiões do país. 

“A Nova Geração é a melhor máquina de economia de combustível da história da Scania. Com o acelerador inteligente subimos a um patamar que nos distancia ainda mais da concorrência. Com as margens do custo do transporte cada vez mais apertadas será um diferencial substancial na sustentabilidade do negócio. O cliente vai comprovar uma rentabilidade nunca antes vista no mercado”, afirma Silvio Munhoz, diretor de Vendas de Soluções da Scania no Brasil.


Além de garantir aos clientes melhores resultados operacionais, o novo acelerador inteligente se torna um importante aliado da Scania no cumprimento da meta de reduzir em 20% as emissões de CO2 de seus veículos em circulação até 2025. “A economia de diesel é essencial para a saúde financeira das empresas de transporte, além de contribuir significativamente com o planeta e a sociedade ao reduzir as emissões de gases poluentes”, completa Munhoz.  

Para garantir a economia de combustível esperada, o acelerador inteligente analisa constantemente o peso do veículo, a posição do pedal de aceleração e deslocamento do modelo, evitando assim acelerações bruscas e o desperdício desnecessário de combustível. “Dessa forma, o veículo é conduzido de forma mais confortável e econômica preservando outros componentes do trem de força e os freios. O sistema trabalha de forma automática e desativa quando o motorista pressiona o acelerador até o fundo (posição do Kickdown), entendendo que o condutor precisa de toda a capacidade de aceleração naquele momento. Ao soltar o pedal, o sistema volta a controlar a aceleração do veículo”, explica Paulo Genezini, gerente de Pré-Vendas da Scania no Brasil. 

“Numa situação de viagem com alta frequência de alternâncias de velocidade, tráfego intenso e em veículos não totalmente carregados ou vazios, o acelerador inteligente vai contribuir para uma maior economia de combustível. O efeito será um pouco reduzido em rotas onde existam velocidades constantes (de cruzeiro). Ou seja, quanto mais variações na rota maior será sua atuação automática. O motorista vai sentir rapidamente a diferença desse grande benefício”, conclui Genezini. 

Segundo a Scania, o inédito acelerador inteligente fará parte dos caminhões rodoviários e off-road da linha 2021/2022. Os modelos já estão disponíveis para aquisição na rede de concessionárias e com previsão de entregar a partir de 1.º de agosto deste ano.


Postar um comentário

0 Comentários