Nova geração Scania ganha quinta unidade bicuda na Europa

A Vlastuin Truck & Service Trailer, empresa holandesa especializada na customização de caminhões e implementos, entregou na última semana mais uma unidade bicuda da nova geração de caminhões Scania. 
Conhecida principalmente pela conversão de modelos cara chata em bicudos, a Vlastuin aceitou mais uma vez o desafio, baseado em mais um modelo S650 V8, só que desta vez com chassi rígido e tração 6x2. O trabalho resultou em um modelo que foi denominado de S650T e se tornou o quinto V8 Scania bicudo da nova geração produzido pela empresa.
A transformação incluiu a mudança na posição original da cabine, a construção de um capô que acompanhasse as linhas do modelo, novos detalhes nas saias laterais, alterações sutis na grade frontal, escapamentos verticais, barra com buzinas e iluminação sobre a cabine, caixas de ferramenta extras na lateral, ampla plataforma de carga e uma plaqueta exclusiva de identificação. Segundo a Vlastuin o para-choque frontal e os faróis foram mantidos na posição original de fábrica. 
Diferente dos modelos customizados anteriormente, o novo Scania S650T recebeu uma pintura totalmente customizada nas cores da Hardeman Isolatie, empresa holandesa especializada na construção de telhados e forros de teto e responsável pela aquisição do modelo. 
Mesmo após a extinção das linhas de produção, os modelos bicudos seguem como os preferidos dos apaixonados por caminhões, prova disso é a grande procura por esse tipo de conversão no mercado europeu, que além de comum é totalmente legalizada e segura. 
A realização de mais de 40 conversões de caminhões Scania coloca a Vlastuin Truck & Service Trailer na posição de destaque e referência na customização e transformação de caminhões na Holanda e na Europa. Informações mais recentes afirmam que a empresa possui mais de 13 pedidos de customização de modelos da nova geração Scania. 

LEIA: Nova geração Scania ganha versão bicuda 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário