Empresas ligadas ao transporte rodoviário de cargas declaram apoio a greve de caminhoneiros

Assim como diversos postos de combustíveis em todo Brasil, empresas ligadas ao transporte rodoviário de cargas por meio da comercialização de produtos ou através da prestação de serviços, declararam apoio a paralisação nacional de caminhoneiros deflagrada nesta última segunda-feira (21). 


A Saldanha Ar Condicionado, empresa mato-grossense especializada na climatização de caminhões, foi a primeira a declarar seu apoio a manifestação de caminhoneiros através das redes sociais. De acordo com o comunicado divulgado no último domingo (20), a empresa estabeleceu uma parceria com o Posto Marajó, localizado na Rodovia dos Imigrantes em Várzea Grande, região de Cuiabá, e passou a distribuir 50 vales refeição por dia a caminhoneiros que estiverem paralisados nas instalações do posto.
Em Minas Gerais, a Coopercred Implementos Rodoviários, empresa especializada na revenda de carretas das principais marcas do país e comercialização de peças para implementos, localizada na cidade de Patos de Minas, declarou seu apoio a paralisação nacional de caminhoneiros através de um post nas principais redes sociais. 
Já no Rio Grande do Sul, a Loja Mundo do Caminhãoempresa especializada no comércio de latarias e acessórios para caminhões e a primeira e maior loja virtual de peças e acessórios para veículos pesados do país, também declarou seu apoio a paralisação nacional de caminhoneiros através das redes sociais. Com as frases "Caminhoneiro, faça-se ser ouvido" e "Sem Luta, não há avanço" a loja reforça o seu compromisso de estar cada vez mais próximos do caminhoneiro para entender suas necessidades e oferecer as melhores soluções.

Confira na íntegra a publicação da Saldanha Ar Condicionado: CLIQUE AQUI

Confira na íntegra a publicação da Coopercred Implementos: CLIQUE AQUI

Confira na íntegra a publicação da loja Mundo do Caminhão: CLIQUE AQUI 


Saiba tudo sobre a greve de caminhoneiros: CLIQUE AQUI

TEXTO: Lucas Duarte
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário