DAF inaugura fábrica de caminhões elétricos na Holanda

DAF/Divulgação

Nova unidade industrial será responsável pela montagem dos inéditos caminhões DAF XD e XF 100% elétricos; produção começará no segundo trimestre deste ano

Google News
Dando continuidade aos investimentos para atender a crescente busca por soluções cada vez menos poluentes para o transporte rodoviário de cargas, a DAF Trucks, marca pertencente ao Grupo Paccar, confirmou nesta semana a conclusão da construção de uma nova unidade industrial dedicada exclusivamente a produção de caminhões 100% elétricos.


Após 18 meses de obras e investimentos, as novas instalações estão localizadas no próprio parque industrial da montadora holandesa na região de Eindhoven. Com produção prevista para começar na primavera europeia, a nova unidade industrial será responsável pela montagem dos inéditos caminhões DAF XD e XF 100% elétricos, apresentados ao mercado europeu na última edição da IAA Transportation.

Segundo a DAF Trucks, os novos caminhões elétricos serão produzidos em oito etapas, divididas em duas linhas de montagem que operam de forma simultânea, sendo, uma dedicada exclusivamente a montagem das baterias e outra responsável pela instalação do trem de força, componentes de alta tensão e demais peças e estruturas que compõem cada modelo. Cada exemplar concluído também passará por uma rigorosa e detalhada etapa de verificação, afim de atestar o pleno funcionamento e qualidade da solução.


Sobre os caminhões DAF XD e XF 100% elétricos
Os novos modelos XD Electric e XF Electric contam com versões do tipo chassi rígido e cavalo mecânico. Ambos equipados ainda com motor elétrico Paccar com potências de 170 a 350 kW (230 a 480 hp), combinado com até cinco packs de bateria que garantem autonomias que variam de 200 até 500 quilômetros com uma única recarga, dependendo da configuração e do tipo de aplicação.

Os novos caminhões DAF 100% elétricos estreiam no velho continente contando também com diferentes opções de carregamento. Destaque para os carregadores com potência de até 325 kW que garantem uma carga de 80% em apenas 45 minutos. 

A marca também oferecerá um carregador de corrente alternada (AC) com potência de 22 kW, garantindo assim flexibilidade aos transportadores, especialmente em locais que não contam com carregadores rápidos.


Postar um comentário

0 Comentários