Óleo diesel registra aumento de preços nos primeiros dias de 2022

IVECO/Divulgação

Bahia ganhou destaque no levantamento realizado pelo IPTL, com acréscimos de mais de 2% no valor médio do diesel comum e do S-10

Google News
Ano novo, preço novo. Os primeiros dias de 2022 vem sendo marcados por novos aumentos no preço do óleo diesel. De acordo com o levantamento mais recente do Índice de Preços Ticket Log (IPTL), o diesel comum foi comercializado a R$ 5,623, acréscimo de 0,19% em relação a dezembro, quando o valor estava R$ 5,612. Já o diesel S-10 passou de R$ 5,676 para R$ 5,689, alta 0,24%. Na comparação com janeiro de 2021, o acréscimo médio no valor dos combustíveis chega a mais de 40%.

Na análise por Região, quase todas apresentaram tendência de alta ou estabilidade nos preços em relação a dezembro passado. Com recuo de apenas 0,17% no valor do diesel comum e de 0,05% no S-10. Segundo o IPTL, o Norte segue liderando o ranking dos maiores preços, a R$ 5,826 e R$ 5,889 respectivamente.

Assim como no mês de dezembro, o Sul ainda se mantém como a Região com o combustível mais barato. Mesmo tendo registrado os maiores acréscimos, de 0,71% no diesel comum e de 0,91% no S-10, as bombas sulistas comercializaram esses combustíveis a R$ 5,234 e 5,295, respectivamente.


Já no recorte por estados, os postos baianos registraram o maior aumento no valor do diesel comum (2,24%) passando de R$5,580 para R$5,705 e também no valor do diesel S-10 (2,36%), que antes estava em R$5,640 e agora passou para R$5,773. Já as maiores médias foram encontradas no Acre, a R$ 6,321 o diesel comum e R$ 6,259 o diesel S-10.

No comparativo com o fechamento de dezembro, o maior recuo para o diesel comum foi registrado nas bombas da Paraíba (1,11%), onde o combustível passou de R$5,561 para R$5,499. Já o Pernambuco se destacou com a maior redução para o diesel S-10, de 1,01%, passando de R$5,534 para R$5,478. Já as menores médias para os dois tipos de diesel foram registradas nos postos do Paraná, a R$ 5,163 e R$ 5,216 respectivamente.

“2021 terminou com o diesel em estabilidade, mas 2022 já inicia com uma mudança de cenário e alertas de altas de até 0,91%. A Bahia ganha destaque neste último levantamento da Ticket Log, com altas de mais de 2% no valor médio.” destaca Douglas Pina, Head de Mercado Urbano da Edenred Brasil.


Postar um comentário

0 Comentários