Disfarçado de 540, Novo Scania R 560 XT conquista segmento florestal na Europa

Scania/Divulgação

Novo motor de 13 litros foi submetido a testes operacionais reais antes mesmo do lançamento oficial e conquistou transportadores 

Google News
Antes mesmo de ser lançada oficialmente em novembro de 2021, a nova geração de motores de 13 litros já dava sinais de que seria um verdadeiro sucesso em termos de economia, desempenho e disponibilidade operacional. Prova disso são os resultados obtidos através de testes sob condições reais de operação, realizados com transportadoras parceiras.

Na Suécia por exemplo, a Fermgruppen AB foi uma das empresas que teve oportunidade de testar em primeira mão a nova gama de motores. Referência no transporte florestal, a transportadora sueca passou a contar com um Scania R 560 XT com configuração Romeu Julieta, mas disfarçado de R 540, para que não fosse relevado o lançamento que estava por vir. Destacam-se como principais desafios enfrentados durante os testes, estradas sinuosas, terrenos irregulares, diferentes variações climáticas e peso bruto total combinado (PBTC) de 64 toneladas.


Equipado com o inédito motor DC 13 de 560 cv de potência, 2800 Nm de torque, combinado com a caixa câmbio automatizada G33, o extrapesado também taz como diferenciais o novo suspensor de eixo para versões 6x4, foi conduzido durante os testes pelo proprietário da empresa, Richard Ferm, e pela motorista, Frida Lautin, de apenas 25 anos.

“Todos buscam redução de custo e maior disponibilidade. E este caminhão mostrou isso durante esse tempo. Em termos de consumo de combustível, é 20% menor do que nossos outros caminhões na mesma rota ”, diz Richard Ferm. 

“Estive dirigindo o caminhão várias vezes e os principais pontos positivos que posso ver além do melhor consumo de combustível são a dirigibilidade e o ambiente do motorista - ele conta com uma cabine muito silenciosamente. Também considero a nova caixa de velocidades uma vantagem.", destaca o empresário. “No geral, é um caminhão muito bom e acho que o teste de campo é uma ótima interação porque seu feedback é realmente levado em conta.”, completa.


Para a motorista sueca, além baixíssimo nível de ruído da cabine, a potência extra proporcionada pelo novo motor e caixa, e a melhor manobrabilidade proporcionada pelo nova opção de suspensor de eixo, foram pontos de destaque. “Não há nada de negativo neste caminhão!”, afirma Frida Lautin.

Revelada ao mercado europeu em novembro de 2021, a nova geração de motores Scania de 13 litros estreou trazendo consigo quatro novas potências (420 cv, 460 cv, 500 cv e 560 cv) e a promessa de reduzir em até 8% consumo de combustível, além de minimizar as emissões de CO2.


Scania/Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários