IVECO A gente nao para

Tanqueiros encerram paralisação em Minas Gerais

Sindtanque-MG/Divulgação

Redução no preços dos combustíveis e na alíquota do ICMS cobrado sobre o óleo diesel estavam entre as principais reinvindicações da categoria em Minas Gerais

Transportadores de combustíveis do Estado de Minas Gerais retomaram as atividades na manhã desta quarta-feira, 8 de setembro, 24 horas após anunciarem uma paralisação que a princípio seria por tempo indeterminado. A mobilização já vinha sendo anunciada pelo Sindtanque-MG (Sindicato das Empresas Transportadoras de Combustíveis e Derivados de Petróleo do Estado de Minas Gerais).

Além de apoiarem as manifestações que acontecem em todo o país ao longo desta terça-feira, a categoria reivindicava a redução dos preços dos combustíveis, especialmente do diesel que acumula alta de 25,78% até julho, e também uma redução na alíquota do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) cobrado pelo Governo de Minas, passando dos atuais 15% para 12%.


O encerramento da paralisação da categoria foi confirmado pelo movimento normal de caminhões na manhã desta quarta-feira (8), na Refinaria Gabriel Passos (REGAP), em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte (MG).

Na noite desta terça-feira, 7 de setembro, postos no entorno da capital mineira e no interior do estado já começavam a registrar falta de combustível, especialmente gasolina. Com o encerramento da paralisação, os estoques devem ser normalizados ao longo do dia de hoje e também nesta quinta-feira (9).


Postar um comentário

0 Comentários