Estrela das Estradas


Casas Scania

IVECO A gente nao para

Case IH impulsiona agricultura digital no Brasil com lançamento de Fazenda Conectada

Case IH/Divulgação

Propriedade rural em Água Boa-MT recebe conexão 4G da TIM Brasil e operação agrícola contará com máquinas e soluções conectadas, que serão monitoradas pelo AFS Connect Center

Líder incontestável da digitalização da agricultura brasileira, a Case IH, marca da CNH Industrial, apresenta a Fazenda Conectada do país. Localizada em Água Boa, região de alta produtividade agrícola do Mato Grosso, o local conta com conexão 4G da TIM, responsável por reunir todas as soluções avançadas da marca e máquinas com conectividade. Toda a operação será monitorada pelo AFS Connect Center, o novo centro de monitoramento da marca, instalado na fábrica de Sorocaba (SP) e também em diversas concessionárias da Rede Case IH.

Segundo a fabricante, a iniciativa pioneira tem como principal objetivo mostrar como a conectividade rural aumenta a produtividade no campo, mesmo em uma região que já apresenta alto rendimento safra após safra. No município, com 198 mil hectares plantados com soja, foram produzidos, na última safra, 160 mil toneladas da commodity, sendo que a produtividade média é de mais de 58 sacas de soja por hectare.

“A Case IH sempre ditou tendências, sendo reconhecida pelo seu DNA de inovação e pioneirismo. É a marca que introduziu as mais inéditas tecnologias para o agronegócio brasileiro e, agora, na era da revolução digital no campo, não seria diferente. Por meio de machine learning, as nossas máquinas inteligentes que aprendem e se auto ajustam; os dados gerados por nossos equipamentos e soluções, que usam Big Data e Data Analytics, mostram que nós já estamos inseridos na agricultura digital”, comenta Christian Gonzalez, vice-presidente da Case IH para a América Latina. “E tudo isso será demonstrado na prática em uma propriedade de mais de 3 mil hectares, a Fazenda Conectada Case IH, que reúne as mais avançadas tecnologias que o produtor brasileiro já teve acesso”, complementa.

Case IH/Divulgação
A conectividade estabelecida pela TIM, com duas antenas 4G LTE e em frequência de 700MHz, instaladas na fazenda e no centro de Água Boa, atendem às necessidades do campo e estão de acordo com um projeto de expansão da conectividade em áreas agrícolas liderado pela operadora, chamado 4G TIM no Campo. Na Fazenda Conectada Case IH, a nova geração de máquinas conectadas da empresa trabalha gerando e recebendo dados em tempo real.

"Democratizar o acesso a redes 4G, no campo ou nas cidades, é uma das prioridades da TIM. Levamos conectividade a mais de 6 milhões de hectares, impulsionando negócios com agricultura conectada e agora queremos chegar não só aos grandes, mas também aos produtores de menor porte que buscam tecnologia e soluções de conectividade para aumentar a produtividade e eficiência operacional. A parceria com a Case IH na Fazenda Conectada será importante para testarmos a expansão de projetos de conectividade para as demais regiões do país", declara Paulo Humberto Gouvea, Head de Soluções Corporativas da TIM.

Apresentados neste ano, os tratores Magnum e Steiger AFS Connect são os principais exemplos da nova era de equipamentos conectados. Com o sistema AFS Connect embarcado de fábrica, os tratores contam com com novo monitor, nova arquitetura eletrônica, sistema operacional, receptor e hardware totalmente redesenhado que permite a visualização remota e recursos de suporte à distância.


Além das máquinas conectadas, a Case IH também apresenta serviços e soluções em conectividade, como, por exemplo, as soluções da AgXtend, marca da CNH Industrial que oferece tecnologias para todas as etapas do ciclo da cultura, como radiografia de solo, geração de mapas e medição da qualidade dos grãos.

Já todas as informações da frota, da propriedade e os dados agronômicos em uma única plataforma, geradas pelos inúmeros recursos, ficam centralizadas em uma única plataforma, o portal AFS Connect, solução que possiiblita o gerenciamento de toda a operação agrícola e da frota, como se estivesse dentro da cabine, de qualquer local, além de transferir e compartilhar arquivos com parceiros.


Ainda segundo a Case IH, os dados também podem ser administrados no AFS Connect Center, uma central de suporte que funciona 7 dias por semana e sempre disponibilizará especialistas para atender o cliente em tempo real. As 161 concessionárias espalhadas pelo Brasil (ao todo são 34 grupos que representam a Case IH) terão uma sala de controle desenvolvida especialmente para monitorar as máquinas agrícolas dos clientes.

“Com a conectividade, todas as máquinas e soluções avançadas da Case IH, o produtor se beneficia com o aumento da produtividade, assim como da capacidade de produção; há também a redução do consumo de água, a eficiência na logística e no armazenamento de estoque, melhoria da mão de obra e aumento da segurança da propriedade. No campo financeiro, há um crescimento do ROI (retorno sobre o investimento), otimização de custos, redução dos custos de insumos e despesas gerais, além da eficiência de dados”, comenta Rodrigo Alandia, gerente de Marketing de Produto da Case IH para América Latina.

Case IH/Divulgação
Internet para todos
O produtor rural não é o único beneficiado com a chegada do sinal 4G. Mais de 16 mil pessoas, de comunidades ao entorno de Água Boa, 93 propriedades rurais, 21 escolas e mais de 6 mil alunos serão comtemplados com a conectividade.

“A internet melhora a mobilidade urbana, com o uso de GPS, aplicativos de delivery e transporte, traz inúmeros benefícios para a telemedicina, modalidade muito utilizada durante a pandemia e limitada a quem não tem acesso à internet, além de oferecer o ensino à distância para toda a sociedade, proporcionando mais oportunidades de capacitação de profissionais com treinamentos online”, afirma Eduardo Penha, diretor de Marketing e Comunicação América Latina.


Conectividade 4G
Além de atender todas as demandas e necessidades das atuais operações agrícolas, a conectividade por meio do sinal 4G fornece mais recursos de suporte remoto, reduzindo o tempo de inatividade e mantendo os operadores em campo, além de permitir que os produtores rurais trabalharem com dados gerados em tempo real.

Líder na cobertura 4G no campo, a TIM conta atualmente com mais de 6 milhões de hectares conectados até o momento, beneficiando mais de 600 mil pessoas, em mais de 220 cidades e em oito estados diferentes em território rural, além de mais de 25 mil quilômetros de estradas e rodovias. Além disso, a operadora é líder em cobertura 4G no Brasil, e será a primeira a conectar todos os municípios do país com a rede de quarta geração até 2023.

Para as empresas envolvidas no projeto, levar conectividade ao campo significa alavancar ações de inclusão digital, proporcionando inúmeros benefícios para a sociedade. O acesso à rede 4G irá facilitar o dia a dia da população rural, que contará com o sinal de internet no trabalho, na escola, para acessar os serviços públicos e de emergência e também nas estradas.    

Case IH/Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários