Estrela das Estradas


Casas Scania

IVECO A gente nao para

Luxafit Transportes transforma MB Atron 1635 Série Especial em exemplar de coleção

Mercedes-Benz/Divulgação

Modelo adquirido em virtude da história no transporte, passa a integrar coleção de veículos do proprietário da empresa

O mercado brasileiro de caminhões se despediu em 2020 do último exemplar bicudo até então fabricado no país, o Mercedes-Benz Atron 1635. Mas o fim de uma era não poderia ser feito de qualquer forma. Para isso, a montadora de origem alemã anunciou uma série especial e limitada 12 unidades da linha pesada.


Apresentada em dezembro de 2020, série especial chegou ao país repleta de detalhes que tornaram as últimas unidades do extrapesado "bicudo" uma verdadeira exclusividade. Destaque para a presença de itens de série como climatizador, rádio com entrada USB, geladeira, rodas e capas de porca em alumínio, além de um design personalizado com faixas decorativas nas cores dourado e prata, complementadas pela inscrição #OCAMINHÃOQUEFEZHISTÓRIA nas laterais. Além da numeração de 01 a 12, a série também contou com um certificado de autenticidade. 

Dentre os felizardos que tiveram a oportunidade se tornarem proprietários dos últimos caminhões bicudos brasileiros, destaca-se a história do empresário paulista, Antônio Francisco, proprietário da Luxafit Transportes. Ciente da importância histórica do modelo e tendo construído uma significativa no transporte rodoviário de cargas brasileiro com apoio de outros caminhões bicudos Mercedes-Benz, Francisco adquiriu uma das doze unidades como item de coleção.


“Quando a Mercedes-Benz lançou o primeiro caminhão com gerenciamento eletrônico, eu me apaixonei. Tinha cabine bicuda e me lembro como se fosse hoje. Comprei um 1938 e também um 1620, foram meus primeiros caminhões zero km. Depois disso, tive vários bicudos ao longo dos anos", relembra o empresário. "Esse Atron não foi comprado para rodar. Ele fica agora num galpão, junto com outras relíquias. Tenho uma coleção de carros antigos, que costumo exibir para amigos e colegas transportadores", revela Francisco. 

Além de todos os atributos que a série especial já carregava consigo, o exemplar adquirido pelo empresário paulista passou ainda por um detalhado processo de personalização em parceria com o Charada Truck, empresa paulista referência nacional em customização de caminhões. Dentre os upgrades realizados, destacam-se, instalação de suspensão a ar, buzinas marítimas, tanques de alumínio, escapamento personalizado, polimento das rodas e serviço completo de capotaria com logo da transportadora. 

"O Atron Série Especial eu comprei no nome do meu filho, Guilherme, de 23 anos, que sempre foi apaixonado por esse universo. Espero que daqui a 18 anos ele também realize um sonho como o meu. Não comprei um caminhão, comprei a história", conclui o empresário. 


Postar um comentário

0 Comentários