Estrela das Estradas

Casas Scania


IVECO A gente nao para

AB Rodofort compra fábricas da Guerra Implementos Rodoviários

Divulgação

AB Rodofort foi responsável pelo maior lance em leilão realizado nesta segunda-feira (22)

AB Rodofort, implementadora com sede em Sumaré (SP), anunciou nesta terça-feira, 23 de março, a aquisição de todas as plantas da falida Guerra Implementos Rodoviários, empresa gaúcha que por vários figurou entre as maiores e mais reconhecidas do segmento. O negócio foi relevado em um informativo comercial enviado aos distribuidores da empresa paulista. 

De acordo com o documento, na última segunda-feira (22), a AB Rodofort foi responsável pelo maior lance durante o leilão da massa falida da implementadora gaúcha. "Daremos novamente vida a uma marca que por longos anos, performou entre as maiores fabricantes de implementos rodoviários do Brasil e da América Latina", diz o informativo.

A concretização do negócio dependerá agora apenas de um aval da justiça, processo que poderá levar até 10 dias. 


Segundo a AB Rodofort, a aquisição do parque industrial no Rio Grande do Sul faz parte dos planos de expansão das operações. "Desde algum tempo, viemos trabalhando em prol de uma possível expansão fabril e a planta de Caxias do Sul, passou a ser fonte de desejo e possibilidade", completa o informativo comercial.

Atualmente a AB Rodofort é especializada na fabricação de bitrens, rodotrens, reboques e semirreboques, especialmente destinados a operações como sider, baús, graneleiros e porta-containers. Localizada às margens da Rodovia Anhanguera, em Sumaré (SP), a parque industrial da AB Rodofort conta com 60.000 m², máquinas de última geração, profissionais treinados e especializados na eficiência, resistência e segurança de implementos.
Divulgação
Falência da Guerra Implementos Rodoviários
A Guerra Implementos Rodoviários teve a falência decretada pela Justiça em novembro de 2017, após um forte abalo em sua saúde financeira, em decorrência da instabilidade econômica vivida no país, que provocou uma forte queda no faturamento da empresa, especialmente a partir do segundo semestre de 2014.


Postar um comentário

1 Comentários

Nunca publique suas informações pessoais, como por exemplo, números de telefone, endereço, currículo etc. Propagandas, desrespeito ou ofensas não serão toleradas nos comentários.