Máquinas New Holland Construction agilizarão a infraestrutura do Acre

New Holland Construction/Divulgação
Um significativo investimento foi realizado pelo Departamento de Estradas de Rodagens do Acre (Deracre) na renovação de equipamentos para agilizar a abertura e a manutenção de vias, colaborando no desenvolvimento do Estado. Atuante em todo o território nacional, a New Holland Construction está presente na venda, disponibilizando 66 unidades da nova frota, composta de retroescavadeiras, pás carregadeiras, motoniveladoras, tratores de esteiras e escavadeiras hidráulicas.

O fornecimento e o pós-venda serão executados pela concessionária Motorauto, que tem o órgão do Governo do Acre como cliente, com mais de 130 equipamentos já entregues. As máquinas adquiridas serão distribuídas entre os 22 municípios acreanos.

Cinco modelos da New Holland Construction compõem a nova frota, sendo 18 unidades da retroescavadeira B95B, 18 pás carregadeiras 12D, 18 motoniveladoras RG140.B, oito tratores de esteiras D140B e quatro escavadeiras hidráulicas E215C EVO.


O atendimento customizado reforça a proximidade da marca, que celebra 70 anos de Brasil em 2020, além de ampliar o market share da New Holland Construction na região Norte. “Anteriormente, o Deracre já havia adquirido nossos equipamentos, valorizando a qualidade e a performance dos produtos, além da qualidade da Motorauto no atendimento. Como estas maquinas trabalharão em obras de infraestrutura, o negócio é de suma importância para o Acre”, afirma o supervisor comercial da New Holland Construction, Marcos Rocha.

Para o diretor da Motorauto, Olavo Pires, a concretização de mais esta venda para o Governo do Acre coroa o trabalho em equipe da concessionária, líder em licitações que tem como premissa a transparência no atendimento ao cliente. Além da relação custo benefício, o órgão preza pela qualidade e assistência técnica.

“A aquisição destes equipamentos trará maior qualidade de vida para população rural, melhorando a trafegabilidade de estradas vicinais, garantindo o abastecimento, escoamento e aumento da produção rural. É uma venda bastante significativa não só pelo volume, como também por marcar a retomada da economia local com um pacote de investimentos na área de infraestrutura e construção civil”, afirma Pires.

FONTE: New Holland

Postar um comentário

0 Comentários