Publicidade

Caminhões VW Constellation passam a contar com nova transmissão automatizada de 12 velocidades

VWCO/Divulgação
A partir deste mês, os caminhões Volkswagen Constellation chegam ao mercado com a nova transmissão automatizada V-Tronic ZF Traxon de 12 velocidades. Disponível para os modelos Constellation 24.330, 30.330, 19.360 e 25.360, a nova caixa estreia com a importante missão tornar a família de veículos ainda mais competitiva, com foco total em conforto, segurança e ótimo custo operacional.

“Oferecemos um produto com alta tecnologia embarcada, descomplicada e amigável, que permite ao motorista focar apenas na condução do veículo. Com a nova automação do trem de força, estamos maximizando a segurança, eficiência e disponibilidade dessa nova geração de produtos. Nossas soluções de transporte são desenvolvidas com foco total nas necessidades do nosso mercado e na rentabilidade dos nossos clientes”, comenta Rodrigo Chaves, vice-presidente de Engenharia da VW Caminhões e Ônibus.

A nova geração de transmissão automatizada se destaca uma série de melhorias que ampliam a eficiência mecânica, espaçam as manutenções preventivas e, em conjunto com o motor, trabalham para permitir a troca de milhares de informações precisas por segundo no sistema, proporcionando trocas mais rápidas de marchas e as melhores condições de operação nas mais variadas situações, incluindo na rodagem em topografias mais acidentadas.


Para manter a reconhecida ergonomia da cabine Constellation, o acionamento das marchas é feito por meio de uma alavanca posicionada no console central. Além disso, o bem-estar e o conforto do motorista também é reforçado por uma redução de até 35% no nível de ruído.

Destaca-se ainda o torque de entrada máximo de 2.400 Nm e a engenharia modular da transmissão, que proporciona manutenções mais rápidas e simples.

A lista de atributos da nova transmissão Traxon é complementada por um pacote de funcionalidades feito sob medida para reduzir o consumo de combustível e ampliar a segurança operacional:

Eco-roll: Aproveita a inércia quando possível e coloca a transmissão em neutro de forma segura e controlada. Caso haja alguma demanda de torque no motor ou os sistemas de freios forem acionados, uma marcha é automaticamente engrenada;

Sensor de inclinação: Auxilia na manutenção da rotação adequada para melhor consumo de combustível;

Modo manobra: Controla a velocidade e não permite a troca de marchas, proporcionando assim uma saída suave sem trancos;
 
Kick down: Ao pisar fundo no acelerador, a transmissão reduz a marcha aumentando o giro do motor para obter melhor performance para ultrapassagem seguras;

Easystart: Assistente de partida em rampa.

VWCO/Divulgação
Caminhões e Carretas

Postar um comentário

0 Comentários