VÍDEO: PRF retém caminhão e alerta sobre perigo de efeito “guilhotina”

Agência PRF/Divulgação
A PRF apreendeu um caminhão com o para-choque ineficiente na manhã desta terça-feira (29) na BR 364, em Jataí, no sudoeste goiano. O veículo transportava uma máquina agrícola sobre uma plataforma removível e foi parado para fiscalização na unidade operacional da PRF.

Quando os policiais fiscalizaram o caminhão perceberam que a carroceria, do tipo prancha, ultrapassava o limite traseiro, excedendo em 2,5 metros a dimensão do veículo. O caminhão saiu de Jataí e percorreria cerca de 40 quilômetros até uma empresa de beneficiamento de soja localizada na zona rural.

Essa configuração é extremamente perigosa, podendo transformar o veículo em uma espécie de “guilhotina” quando de uma colisão traseira. Em um acidente desse tipo o, veículo avançaria até parar no para-choque por falta de proteção adequada no limite da carga, com a probabilidade de causar lesões graves e até morte em seus ocupantes.


Existem regulamentações para definir as especificações para veículos com dimensões excedentes visando, justamente, aperfeiçoar os requisitos de segurança e minimizar as consequências dos acidentes de trânsito. Verificando os sistemas junto ao DNIT, a PRF constatou que o caminhão nunca possuiu autorização para realizar transporte deste tipo de carga.

O veículo foi retido na unidade da PRF para regularização e autuado por transitar com equipamentos obrigatórios ineficientes e em desacordo com a legislação, além de não portar a devida licença para transitar de forma segura em rodovias. O veículo foi liberado após sanada as irregularidades.



Postar um comentário

0 Comentários