Mercado de implementos mantém recuperação em setembro

Librelato/Divulgação
O mercado brasileiro de implementos rodoviários encerrou o mês de setembro apresentando novos sinais de recuperação e se aproximando dos resultados obtidos ao longo de 2019.

De acordo com a Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários (ANFIR), de janeiro a setembro deste ano, 85.186 implementos rodoviários foram emplacados em todo o Brasil, queda de apenas  4,31% em relação ao mesmo período de 2019, quando foram comercializadas 89.024 unidades.

“Se mantivermos esse ritmo teremos uma queda anual mais baixa ou até próxima de zero”, diz Norberto Fabris, presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários (ANFIR).


Considerando cada segmento separadamente, até setembro de 2020 foram comercializados 46.891 reboques e semirreboques, queda de 1,79% em relação a 2019, quando foram comercializadas 47.747 unidades. Os implementos do tipo basculante e Carga Geral estão entre os que lideram a retomada do segmento

Já o segmento de carrocerias sobre chassi chegou ao final do mês de agosto com um total de 38.295 unidades comercializadas, queda de 7,22% em relação a 2019, quando foram comercializadas 41.277 unidades. Destaque para o melhor desempenho das carrocerias do tipo betoneira.

Segundo Fabris, mesmo com todas as dificuldades causadas pela pandemia a economia brasileira segue se recuperando. “Está claro que passado o impacto inicial da Covid-19 as empresas buscaram alternativas para seguir operando. Não foi fácil, mas os setores ajustaram suas cadeias de negócios à realidade e isso explica a recuperação gradual do segmento”, explica.

Confira na íntegra os números da ANFIR: CLIQUE AQUI

Com informações: ANFIR
Caminhões e Carretas

Postar um comentário

0 Comentários