Controle de temperatura no transporte causa desperdício de 40% no mercado de flores

Thermo King/Divulgação
A ruptura da cadeia do frio é uma das principais causas de perda produtos durante a logística. A Thermo King® (NYSE: IR), empresa do grupo Ingersoll Rand® e líder em soluções para controle de temperatura para o transporte, reconhece a importância da refrigeração adequada para manter a integridade das mercadorias e ressalta a necessidade de que toda a cadeia produtiva respeite as melhores práticas no transporte para evitar desperdícios.

Um dos mercados que enfrentam perdas significativas pela falta de planejamento no transporte é o de flores. De acordo com dados do Centro de Ciências Rurais, da Universidade Federal de Santa Maria, cerca de 40% das cultivadas no Brasil se perdem após a colheita, devido às condições inapropriadas de manuseio, conservação e transporte.

A temperatura de transporte ideal para a maioria das flores varia de espécie para espécie, mas, de forma geral, deve estar entre 1º e 7°C. Esse acompanhamento precisa ser rigoroso para que a carga não sofra danos, como o escurecimento e marcas d’água nas pétalas ou até mesmo a morte de folhas e pétalas. Além disso, a perda de flores no transporte diminui a margem de lucro na produção.


“É preciso refletir sobre esses números e buscar alternativas para evitar o desperdício. Especialmente em relação ao transporte, a grande vilã é o controle de temperatura. Em um país com diferenças bruscas de temperatura, como o Brasil, é preciso estar atento às mudanças que possam comprometer a longevidade das flores”, diz Claudio Biscola, líder de vendas da Thermo King na América do Sul.

De acordo com as diretrizes da cadeia do frio, o transporte de itens que exigem refrigeração deve ser feito por equipamentos capazes de manter a temperatura adequada de cada produto, além de cuidados com a higiene, controle de abertura de portas e todo o trâmite deve ser realizado por pessoas capacitadas em cada uma das etapas.
FONTE: Thermo King

Postar um comentário

0 Comentários