Rally dos Sertões: Mitsubishi Motors marca presença com 60% do grid e 55 picapes de apoio

Robert Ager/Overlander
Uma aventura épica atravessando o Brasil por 4.800 quilômetros de Campo Grande (MS) até Fortaleza (CE). O Rally dos Sertões começa neste sábado na capital sul-mato-grossense e a Mitsubishi Motors estará presente dentro e fora das trilhas.

A marca é a patrocinadora oficial da competição pelo 16º ano consecutivo, cedendo 55 picapes L200 Triton Sport para a organização. Além disso, é o maior grid da prova, com 60% dos pilotos correndo com carros Mitsubishi, que ainda podem usufruir de um caminhão de peças com vários itens. E terá a equipe Mitsubishi Spinelli Racing com a estreia da L200 Triton Sport Racing e o piloto pentacampeão Guiga Spinelli, ao lado do navegador Youssef Haddad; e a L200 Triton Sport R com Bruno van Enck e Edu Costa.

“É um grande orgulho fazermos parte do Rally dos Sertões, um evento que é muito mais do que uma competição e traduz todo o espírito 4x4 que faz parte do DNA da Mitsubishi Motors”, destaca Fernando Julianelli, diretor de marketing da Mitsubishi Motors. “O Sertões é um grande laboratório e, neste ano, estamos com três frentes importantes na prova, mostrando todo o potencial e a ousadia que a Mitsubishi tem”, afirma.

A prova larga neste sábado (23) em Campo Grande e segue até Fortaleza, passando ainda pelos estados de Goiás, Mato Grosso, Tocantins e Piauí. São mais de 300 competidores de 21 estados e seis países que terão pela frente 4.800 km de percurso, sendo 2.832 km de trechos cronometrados.


55 picapes L200 Triton Sport
A organização do Rally dos Sertões tem à disposição 55 picapes L200 Triton Sport que são responsáveis por transportar toda a equipe durante a prova, além de terem sido usados no levantamento e reconhecimento do percurso. A maioria dos carros percorre o mesmo caminho que os competidores, enfrentando as mais difíceis situações.

"A Mitsubishi faz parte da família Sertões há 16 anos. Posso dizer tranquilamente que sem o suporte deles o Sertões não teria chegado ao nível que estamos hoje, com firme objetivo de ser o maior rali do mundo. A Mitsubishi nos ajuda em muitas frentes especialmente com os carros de apoio da prova. Sem eles, nossos funcionários não teriam a segurança e a eficiência para andar pelo interior do Brasil percorrendo o roteiro integral da prova, cerca de 4.800 km, pelo menos umas quatro vezes a cada edição", descreve Joaquim Monteiro, CEO da Dunas, empresa que organiza o Sertões.
Robert Ager/Overlander
Maior grid do Sertões
A competição é dividida em duas modalidades: cross-country e regularidade que, juntas, somam 60 veículos. A maior parte, 60%, é de pilotos que correm com carros Mitsubishi em todas as categorias. A marca é a maior vencedora da competição com 11 vitórias na geral e outras dezenas de conquistas nas categorias.

Para esses pilotos, a Mitsubishi oferece mais um grande benefício, que auxilia na logística das equipes. Carretas carregadas com diversos componentes dos carros de competição viajam acompanhando a prova. Desse modo, as equipes não precisam levar peças sobressalentes, já que em cada cidade poderão ter a comodidade de retirar diretamente no caminhão de peças da Mitsubishi e fazer a manutenção preventiva de seus veículos.

Equipe Mitsubishi Spinelli Racing
Cinco vezes campeão do Rally dos Sertões, Guiga Spinelli terá um novo desafio a bordo da nova L200 Triton Sport Racing, desenvolvida para encarar as mais desafiadoras condições em todos os tipos de terrenos. Ele correrá novamente ao lado do navegador Youssef Haddad, três vezes vencedor do Sertões.

A dupla retorna para a maior prova off-road do Brasil formando a equipe Mitsubishi Spinelli Racing, que também terá Bruno van Enck e Edu Costa com a L200 Triton Sport R, que estreou este ano na Mitsubishi Cup e irá encarar seu primeiro Sertões na categoria Production T2.
FONTE: Mitsubishi

Postar um comentário

0 Comentários