Fretebras Superior

Target Bank fecha operação de R$ 3 milhões para fomentar o transporte de cargas na rota Mercosul

Target Bank/Divulgação

Empresa pioneira na oferta de soluções financeiras para o setor logístico já operou mais de R$ 20 milhões em empréstimos este ano, fomentando negócios em todo o país

Google News
 O Target Bank acaba de fechar um contrato que marca a entrada da empresa no mercado de transportes rodoviários na rota Mercosul. A fintech que é líder em oferta de serviços financeiros para o setor logístico fechou um aporte de R$ 3 milhões para uma transportadora no Paraná realizar operações de exportação de caminhões para países da América Latina, como Chile e Argentina. O crédito foi concedido por meio do novo braço da empresa, o Target Cash, criado para fomentar negócios no setor logístico e que já movimentou R$ 20 milhões de operações de crédito, já quitadas, desde o início do ano, com zero inadimplência.

"A Target viabiliza o crescimento das empresas, uma vez que elas precisam de um fôlego para dar início a esses contratos. A concessionária ou transportadora pega os caminhões nas montadoras e transporta para outros países. São viagens de 2.000 a 3.000 quilômetros, que incluem grandes despesas de combustível e hospedagem e podem levar até 30 dias para serem concluídas e até 90 dias para quitação do pagamento", explica Kenji Sabanai, superintendente de crédito do Target Bank.
 
Com o aporte, a transportadora estima um aumento de 200% em seu faturamento em 2021. "Esses recursos são importantes para a retomada da economia do país no pós pandemia", comenta Luiz Garcia, diretor financeiro do Target Bank.


Outra Operação de Aporte
O Target Bank já negocia outras operações de crédito para fomentar o transporte de cargas na rota Mercosul. O novo aporte, desta vez de R$ 6 milhões, será concedido para uma empresa do ramo alimentício, localizada no interior de São Paulo. Parte do transporte será feito em baú frigorífico e a quitação pelo serviço pode levar até 120 dias, o que torna o aporte de extrema importância para a empresa. “Esse aporte possibilita que a empresa alavanque seus negócios e entre no concorrido ramo de transportes na rota Mercosul”, ressalta Kenji Sabanai.

FONTE: Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários