Com mais de 162 mil unidades emplacadas, mercado de implementos cresce 33% em 2021

Biasi Tanques/Divulgação

Número significativo de emplacamentos, consolida 2021 como um ano de recuperação e crescimento para a indústria de implementos nos mercados interno e externo

Google News
O mercado brasileiro de implementos encerrou o ano de 2021 com bons motivos para comemorar. Apesar dos inúmeros desafios impostos pela pandemia e por fatores externos à indústria, o segmento registrou crescimento significativo em todos os comparativos.

De acordo com o balanço oficial da Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários (ANFIR), 162.669 implementos rodoviários foram emplacados em todo o Brasil de janeiro a dezembro de 2021, crescimento de 33,47% em relação a 2020, quando 121.879 exemplares foram entregues. 


“Esse total confirma que mesmo no segundo ano de crise causada pela pandemia a indústria foi competente e soube aproveitar as oportunidades de mercado mantendo até o final a espiral de crescimento”, diz José Carlos Spricigo, presidente da ANFIR.

Ainda segundo a ANFIR, o ritmo dos negócios no setor de implementos rodoviários só não foi ainda melhor devido aos fatores externos à indústria. “A eventual falta de matérias-primas e componentes foram empecilhos mas as empresas acabaram achando soluções e eles foram contornados”, explicou Spricigo.


Considerando cada segmento separadamente, em 2021 foram comercializados 90.339 reboques e semirreboques, crescimento de 34,03% em relação ao mesmo período de 2020, quando foram comercializadas 67.401 unidades. Já o segmento de carrocerias sobre chassi chegou ao fim do ano com um total de 72.330 unidades comercializadas, alta de 32,77% em relação a 2020, quando foram comercializadas 54.478 unidades.

Exportações
O bom momento da indústria de implementos não se resume apenas ao mercado nacional. Em 2021 as exportações também apresentaram crescimento significativo. Segundo ANFIR, no apurado de janeiro a novembro 4.632 implementos foram enviados ao exterior, alta recorde de 120,68% em relação ao mesmo período de 2020, quando 2.099 exemplares foram exportados.


Postar um comentário

0 Comentários