Volvo firma compromisso para acelerar o uso de ônibus elétricos na América Latina

Volvo/Divulgação

Iniciativa busca acelerar a implantação de ônibus cada vez mais limpos nas principais cidades latino-americanas

A Volvo se tornou neste mês, a primeira montadora europeia de ônibus a assinar compromisso com a aliança “Zero Emission Bus Rapid-Deployment Accelerator – ZEBRA” (aceleração para uso de ônibus zero emissões), uma colaboração de grande escala lançada em 2019 para acelerar a adoção de ônibus de emissões zero nas principais cidades latino-americanas. O ingresso na parceria é parte do compromisso da Volvo Buses em estabelecer uma rede colaboração dentro da indústria para impulsionar a transição para um transporte público com zero emissões.

O compromisso firmado de maneira voluntária pela Volvo Buses também envolve os cofundadores da aliança ZEBRA, como o Conselho Internacional para Transportes Limpos (International Council on Clean Transportation - ICCT) e o C40 - Grupo de Cidades de Liderança em Mudanças Climáticas (C40 - Cities Climate Leadership Group), além de vários outros parceiros da indústria. Pelo acordo, a Volvo Buses será responsável pela implementação de uma série de atividades, incluindo fornecer ônibus elétricos para a Cidade do México e Santiago nos próximos 18 meses, além de promover demonstração de ônibus com zero emissões em cidades selecionadas pela aliança.


“Parcerias são vitais para o sucesso da transição para o transporte público de zero emissões. Como membro da aliança ZEBRA, agora podemos compartilhar nossa competência e longa experiência em soluções de eletromobilidade na Europa para apoiar a transição para ‘cidades zero’ (emissões, ruído e acidentes) também na América Latina.”, diz Dan Pettersson, vice-presidente da Volvo Bus Corporation.

“Em pouco tempo, percebemos um aumento significativo na demanda por soluções elétricas em transporte público no continente. A parceria com a aliança ZEBRA, somada ao recente lançamento do nosso chassi elétrico Volvo BZL, garantirá que conseguiremos atender a demanda e assegurar uma transição mais rápida e segura para ônibus zero emissões em nossas maiores cidades.”, afirma Fabiano Todeschini, presidente da Volvo Buses Latin America.


Postar um comentário

0 Comentários