Rota Digital Fenatran: FPT Industrial se consagra como primeira fabricante a homologar motor Euro VI no Brasil

FPT Industrial/Divulgação

Motor FPT F1C com sistemas EGR e SCR, apto à fase PROCONVE P8, foi habilitado pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA) para produção

Líder no desenvolvimento de soluções Multi-Power, a FPT Industrial foi o primeiro fabricante a homologar um motor Euro VI junto ao Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA) no Brasil. O motor apto à fase PROCONVE P8 é um FPT F1C de 165 cavalos equipado com os sistemas de pós-tratamento EGR (recirculação de gases de escape) e SCR (redução catalítica seletiva), para aplicações em caminhões leves. 

O novo nível de emissões é o tema de um painel da Rota Digital Fenatran, série de eventos virtuais que antecede a feira física em 2022 e terá a presença do presidente da FPT Industrial para a América Latina, Marco Rangel, nesta quarta-feira (17). Durante o painel, fabricantes de veículos e motores discutirão as tendências e o mercado sobre o Euro VI.

Um dos maiores sucessos de vendas do segmento de veículos comerciais, a Família F1 equipa modelos consagrados no mercado, como Fiat Ducato, IVECO Daily e Hyundai HD80. Para se adequar ao Euro VI no Brasil, o motor foi exaustivamente testado para atestar sua durabilidade e eficiência perante os limites estipulados. 


Em comparação ao PROCONVE P7, atual nível de emissões no Brasil, o P8 traz significativas reduções de emissões de NOx (óxidos de nitrogênio) em 80%, HC (hidrocarbonetos não queimados) em mais de 70% e MP (material particulado) em 50%, além de incluir a contagem de partículas, que passa a ser exigida.

Para atender a nova fase do Programa de Controle de Emissões Veiculares (PROCONVE), a FPT homologará cerca de 20 novos motores para aplicações on-road, de transporte de cargas e passageiros. O processo de desenvolvimento considera simulações virtuais e computadorizadas, montagem de protótipos, testes em banco de provas e em campo e análises de fluídos, em diferentes tipos de condições, como laboratório, dinamômetro, câmaras climáticas e pista, com rodagem em trânsito urbano e rodoviário.

“O primeiro motor P8 homologado junto ao CONAMA foi resultado de um intenso envolvimento e compromisso da FPT em desenvolver soluções inovadoras e competitivas para nossos clientes. Produzimos soluções para diferentes tipos de missão regional em nosso centro técnico no Brasil”, afirma o diretor de Engenharia da FPT Industrial para a América Latina, Alexandre Xavier.


PESQUISA E DESENVOLVIMENTO
A homologação do Euro VI no Brasil conta com o envolvimento de engenheiros e técnicos dos Centros de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) da FPT Industrial em Turim, na Itália, e Arbon, na Suíça. Integrada ao time brasileiro, a equipe atua na análise, calibração e validação dos novos motores.

“Com o Euro VI estaremos muito próximos de um produto tecnologicamente compatível com o mercado europeu. Evoluirá não só a tecnologia, como também a aplicação, o que dará maior visibilidade aos produtos brasileiros no exterior”, aponta o presidente da FPT Industrial para a América Latina, Marco Rangel.

FONTE: Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários