Estrela das Estradas


Casas Scania

IVECO A gente nao para

Vendas de caminhões seminovos crescem 48,6% até agosto

Carboni/IVECO

Ritmo positivo do segmento de seminovos é confirmado pela Fenabrave

Impulsionado pela escassez de modelos zero quilômetro, o mercado brasileiro de caminhões seminovos encerrou o mês de agosto, registrando novos índices de crescimento. O saldo positivo é confirmado pelo relatório da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

De acordo com o balanço oficial da entidade, 273.895 caminhões foram comercializados de janeiro a agosto de 2021, crescimento de 48,60% em relação ao mesmo período de 2020, quando foram comercializados 184.321 modelos.


Somente no mês de agosto, 37.707 caminhões seminovos foram vendidos em todo o Brasil, número que apresentou um leve recuo de 1,76% em relação a julho, quando foram comercializadas 38.384 unidades. Já em relação a agosto de 2020, quando o segmento comercializou 34.832 caminhões usados, o mercado registrou alta de 8,25%.

Os dados divulgados pela Fenabrave também apontam as seis marcas que se destacaram no mercado de usados ate o final de agosto de 2021. São elas, a Mercedes-Benz que garantiu uma participação de 38,24% nos negócios seguida pela sua principal concorrente, a Volkswagen que alcançou uma participação de 21,31%, a Ford com 16,43%, a Scania com 8,78% de participação, seguida da sua concorrente sueca Volvo com 8,22% e a IVECO com 4,13% de participação nos negócios de usados.

Confira na íntegra os números da Fenabrave: CLIQUE AQUI


Postar um comentário

0 Comentários