IVECO A gente nao para

Scania fornecerá caminhões para rodovias elétricas no Reino Unido

Scania/Divulgação

Adoção de rodovias elétricas é apontada como a solução mais rápida, menos poluente e mais econômica para descarbonizar o transporte rodoviário de cargas britânico

A Scania anunciou neste mês, a participação em um importante estudo de viabilidade para o uso de caminhões em rodovias elétricas no Reino Unido. Essa será a primeira vez que uma ação gênero ocorrerá na região, visando comprovar a eficácia da tecnologia para um lançamento em larga escala.

Além da Scania, o consórcio de estudos também conta com a participação da Siemens Mobility, Costain, The Center for Sustainable Road Freight (Cambridge University e Heriot-Watt University), ARUP, Milne Research, SPL Powerlines, CI Planning, BOX ENERGI e Possible.

O inédito estudo de viabilidade faz parte dos 20 milhões euros que o governo britânico reservou para testes e desenvolvimento de soluções de transporte rodoviário de cargas com zero emissões de poluentes, através do Plano de Descarbonização de Transporte (TDP). O Departamento de Transporte concedeu o financiamento ao consórcio por meio do Innovate UK, que faz parte do UK Research and Innovation, um órgão público financiado por um subsídio do governo do Reino Unido.


De acordo com o consórcio, a adoção de rodovias elétricas através da tecnologia Siemens Mobility 'eHighway', é considerada a solução mais rápida, menos poluente e mais econômica para descarbonizar o transporte rodoviário de cargas britânico. Com duração prevista de nove meses e início neste mês de agosto, o estudo se prepara para ser o precursor de um moderno sistema de linhas elétricas presente nas principais rodovias britânicas até 2030.

"Eletrificar o transporte rodoviário é a chave na jornada do Reino Unido para zerar as emissões", diz James Armstrong, diretor administrativo da Scania (Grã-Bretanha) Limited. "Temos trabalhado com nossos parceiros para desenvolver e amadurecer tecnologias rodoviárias elétricas e demonstramos que eles não são apenas alternativas viáveis, mas atraentes e econômicas aos veículos movidos a combustíveis fósseis para nossos clientes. Esta parceria busca unir a excelência técnica com a ambição visionária, que é a forma como alcançaremos um sistema de estradas elétricas prático e acessível para o transporte de mercadorias e indústria"

Atualmente, estudos semelhantes que permitem que caminhões especialmente adaptados se conectem aos cabos elétricos em rodovias, de maneira semelhante aos sistemas ferroviários e trólebus, também ocorrem na Alemanha, Suécia e Itália.


Postar um comentário

0 Comentários