IVECO A gente nao para

Governo Bolsonaro investirá R$ 160 milhões em rodovias federais no Mato Grosso do Sul

DNIT/Divulgação

Ordens de serviço assinadas preveem melhorias nas BRs 419 e 463/MS

O Governo Federal, através do Ministério da Infraestrutura, confirmou um investimento de R$ 160 milhões em obras necessárias para aprimorar o transporte rodoviário no Mato Grosso do Sul. O monte significativo foi assegurado por duas ordens de serviço assinadas pelo Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, nesta segunda-feira, 9 de agosto.

O primeiro aporte de R$ 41,4 milhões será aplicado na Travessia Urbana de Dourados, na BR-463/MS, demanda antiga da população da região, a obra vai eliminar pontos críticos em trecho com extensão total de 5,5 quilômetros. com prazo estimado de 18 meses,o projeto prevê a construção de dois novos viadutos – um deles no acesso ao terminal aéreo –, implantação de uma nova pista e de retornos nas proximidades dos bairros adjacentes, além da separação dos sentidos de tráfego com barreiras de concreto (New Jersey).

Já os R$ 118.581.850,10 restantes serão aplicados na elaboração dos projetos básico e executivo de engenharia, bem como a execução das obras de implantação e pavimentação, de 55,53 quilômetros do Lote 4 da BR-419/MS. Com previsão de ser concluída em 2023, a obra atende a todas as componentes ambientais.

Localizado entre os municípios de Rio Verde de Mato Grosso e Jardim, o lote 4 é de extrema importância para o Mato Grosso do Sul e viabiliza o escoamento da produção para o mercado nacional, além de encurtar o acesso à ponte do Porto Murtinho, que ligará o estado ao Pacífico.


Vistoria de obras
Além da assinatura das ordens de serviços, o Ministro da Infraestrutura também vistoriou as obras de pavimentação da BR-419/MS, em Rio Negro (MS).

Com investimento de R$ 143.897.847,54, o contrato para a elaboração de projetos e execução das obras de implantação e pavimentação do Lote 1 da BR-419/MS foi assinado em setembro de 2017. Ao todo, serão construídos 52,5 quilômetros de rodovia e 11 pontes, que interligarão a BR-163/MT, em Rio Verde, à MS-080, em Rio Negro. Foram investidos R$ 104,8 milhões nos primeiros 35 quilômetros de pavimentação já entregues pelo Governo Federal. Agora, equipes do Dnit avançam para concluir, até o fim do ano, mais 11 quilômetros de estrada asfaltada e três pontes, o que resultará em 88% dos serviços executados.

Segundo o ministro, os serviços em andamento e a expansão das obras na BR-419, “vão fazer a diferença para todos os setores: turismo, setor mineral e agronegócio, com 100km de economia de percurso. Movimento vai aumentar bastante naquela região, a estrada vai trazer prosperidade”.

Com informações: MInfra

Postar um comentário

0 Comentários