Kenworth encerra produção do gigante K500

Kenworth/Divulgação
Após 14 anos de sucesso no segmento de transportes pesados, especialmente na indústria de exploração de petróleo e gás, a história do gigante Kenworth K500 chegou ao fim. A montadora norte americana, pertencente ao Grupo Paccar, produziu neste mês a última unidade do extrapesado na fábrica de Renton, Washington. 

Equipado com motor Cummins de 525 hp e 1.650 lb-ft de torque,  transmissão Allison 4700RDS de 7 velocidades, tração 6x6 composta por eixos traseiros tandem AxleTech de 100.000 libras e dianteiro Meritor de 32.000 libras, o último Kenworth K500 foi adquirido pela empresa Angolana, Sintagma Holding, e será utilizado na mineração de ouro.


Oferecido em versões, 6x4, 6x6, 8x8 e 10x10, o Kenworth K500 conquistou uma posição de destaque nas operações severas graças a combinação entre a excelente manobrabilidade, robustez e elevado conforto, graças a presença da cabine DAF, marca que também pertence ao Grupo Paccar.

“O Kenworth K500 forneceu excelente desempenho e confiabilidade para nossos clientes em todo o mundo”, disse Laura Bloch, gerente geral assistente da Kenworth para vendas e marketing.

Nos últimos 14 anos, Kenworth entregou unidades K500 a vários clientes e países em todo o mundo. O primeiro pedido do K500 foi em 2006, realizado pela Karamay, na China, como parte de um total de oito unidades do gigante.

Kenworth/Divulgação
TEXTO: Lucas Duarte

Postar um comentário

0 Comentários