IC Transportes adquire 200 caminhões Volvo

Volvo/Divulgação
Cumprindo com o rigoroso programa de renovação de frota, a IC Transportes, empresa paulista especializada no transporte rodoviário de produtos sólidos, líquidos e gases a granel, acaba de adquirir 200 novos caminhões Volvo, sendo 193 FHs e sete VMs.

“Na IC Transportes, acreditamos em um negócio sustentável: uma operação segura que atenda às necessidades de nossos clientes, mas com atenção total à segurança das pessoas e ao meio ambiente. Nossos valores são parecidos com os da Volvo. Isso facilita a relação e é um dos motivos da parceria de mais de duas décadas”, afirma Ivan Luis Camargo, vice-presidente comercial.

O diretor comercial de caminhões da Volvo, Alcides Cavalcanti, segue na mesma linha: “A IC Transportes mais uma vez opta pelos produtos e serviços da marca pela excelência e coincidência de propósitos, o que explica nossa longa parceria”.

Atualmente 70% da frota da empresa é composta por caminhões Volvo e conta com uma idade média de apenas 2,5 anos. Já a renovação acontece anualmente e abrange entre 15% e 20% dos caminhões. Os modelos transportam 8 milhões de toneladas de carga por ano e percorrem até 80 milhões de quilômetros.

Segundo Ivan Luis Camargo, fatores como a  alta confiabilidade, disponibilidade, baixo consumo de combustível, tecnologia de segurança, automação e gestão de dados foram fatores decisivos para a escolha dos caminhões Volvo. “Uma soma que assegura baixo custo operacional e, com isso, eleva nossa competitividade no mercado”, destaca o empresário.

“O custo-benefício é muito bom em todos os aspectos. Além de ter caminhões excelentes, incluo o pós-venda, a relação com a rede de concessionárias, os planos de manutenção, o tratamento de dados e o direcionamento de treinamentos. É todo um pacote que permite resultados cada vez mais eficientes para a empresa”, completa.


Os novos caminhões da empresa são equipados com o pacote de segurança Volvo. Entre vários itens, estão o sistema de controle de estabilidade ESP (reduz o risco de o veículo tombar em curvas e manobras erradas), alerta de mudança de faixa (câmera que alerta se o motorista passar sobre as faixas da estrada sem sinalizar, indicando fadiga), detector de atenção (monitora a condução e emite alerta em caso de fadiga e sonolência do motorista) e sistema de frenagem em emergência, que monitora os veículos à frente, adapta a velocidade e, caso o motorista não reduza a velocidade, freia sozinho o caminhão.

Ainda segundo o empresário, os novos caminhões Volvo FH e VM serão empregados em operações com tanques, basculantes e vasos de pressão para os gases. A operação de líquidos e sólidos é mais focada no Sudeste. Já a de gases do ar, onde a IC Transportes é a primeira do país, segundo Ivan Camargo, em todo o território nacional.

A aquisição do expressivo lote de caminhões Volvo contou com o total apoio financeiro do Banco Volvo. “A taxa de juros é competitiva e a negociação é fácil. Eu ‘terceirizo’ a burocracia. O Banco Volvo resolve tudo”, assegura Ivan.

Treinamento de motoristas
Além de uma frota sempre atualizada, a IC Transportes mantém um programa vigoroso de treinamento de motoristas, que hoje somam 1,4 mil. Inclui aulas de teoria e prática para recém-contratados e também reciclagens periódicas, que vão de mensais a anuais para toda a equipe. Nenhum motorista que chega à IC Transportes conduz um caminhão antes de um período de 10 a até 90 dias de treinamento. O programa tem colaboração ativa da Volvo, principalmente entre os multiplicadores.

Sobre a IC Transportes
Com 37 anos de experiência no transporte e 28 unidades em 11 estados, todas conectadas em tempo real com a matriz, a IC Transportes atende clientes como a Air Liquide, BP Bioenergia, Braskem, ExxonMobil, Messer, Mosaic, Oxiteno, Raízen, Rumo e Yara. Segundo Ivan Luis Camargo, a empresa cresceu 15% ano passado sobre 2018 e projeta mais 8% para este ano.
Volvo/Divulgação
TEXTO: Lucas Duarte
Com informações: Volvo
Caminhões e Carretas

Postar um comentário

0 Comentários