Scania atinge a marca de 100 mil contratos no Programa de Manutenção com Planos Flexíveis

Scania/Divulgação
Apresentado ao mercado europeu em 2016 e aos demais mercados nos anos seguintes, o Programa de Manutenção com Planos Flexíveis da Scania já é um sucesso em todo o mundo. Prova disso é o número recorde de 100.000 contratos ativos em apenas 3 anos. A marca expressiva foi alcançada recentemente graças a Transportadora Nova Santa Rosa, empresa brasileira que assinou recentemente 10 contratos de manutenção.

"Ter uma das maiores frotas de veículos pesados ​​conectados do mundo nos dá uma vantagem competitiva definitiva ao oferecer os sistemas tecnologicamente avançados necessários para serviços de manutenção orientados por dados e adaptados individualmente", diz Niklas Olsson, chefe de conceitos globais de serviço de produtos de vendas e serviços de Marketing da Scania.

Graças ao Programa de Manutenção com Planos Flexíveis, a Scania é capaz de monitorar continuamente os dados operacionais do veículo e determinar com precisão quando cada manutenção precisa ser executada. De acordo com a montadora sueca, o papel desempenhado pelas oficinas no contato proativo com os clientes, quando a manutenção se faz necessária, é um dos pontos fundamentais que justificam o sucesso do programa.

“Atualmente, 1.200 de nossas 1.600 oficinas estão conectadas e o Programa de Manutenção com Planos Flexíveis está disponível para a grande maioria dos caminhões Scania”, explica Olsson. 

Na vanguarda do Programa de Manutenção com Planos Flexíveis está o Reino Unido está o Reino Unido com mais de 20.000 contratos ativos, seguido pela Alemanha, com 10.000 contratos. Na terceira posição está a Dinamarca com um total de 7.500 contratos, um desempenho impressionante em relação ao número de caminhões em circulação no país.


O crescente número de contratos de manutenção flexível permite à Scania aprimorar continuamente as análises para serviços de manutenção oportunos.

"À medida que coletamos mais e mais dados, aprendemos mais sobre nossos veículos", diz Anders Rydell, proprietário de um contrato de manutenção flexível. “Uma vez por semana, examinamos e analisamos rotineiramente as operações de cada caminhão para garantir que ele esteja em conformidade com os padrões anteriores e, se necessário, fazer ajustes.”

Mas as novidades do Programa de Manutenção com Planos Flexíveis não param por ai. A Scania já trabalha no desenvolvimento de uma nova etapa da manutenção flexível que eleva o tempo de atividade do cliente com base nos reparos preditivos orientados pelos dados e pelo monitoramento de cada veículo. "Temos uma estratégia clara na implantação da tecnologia mais avançada no desenvolvimento de nossos serviços para aumentar o tempo de atividade do cliente", diz Olsson.

TEXTO: Lucas Duarte
Caminhões e Carretas

Postar um comentário

0 Comentários