Randon Implementos cresce 36% no terceiro trimestre de 2019

Maicon Dewes/Randon
A Divisão de Montadoras das Empresas Randon, encerrou o terceiro trimestre de 2019 com bons motivos para comemorar. Além da receita líquida recorde, a marca registrou um número expressivo de implementos rodoviários comercializados no Brasil.

De acordo com o balanço oficial divulgado pela empresa gaúcha, o aumento da capacidade de produção de implementos rodoviários, ao longo do terceiro semestre, garantiu a companhia a reconquista do market share no terceiro trimestre, atingindo 36,3%, acima dos 31,7% do 1T19 e dos 34,0% do 2T19. 

No acumulado do ano, a implementadora já conta com 16.891 unidades comercializadas em todo país, crescimento de 36,5% com relação ao mesmo período de 2018, quando foram comercializadas 12.378 unidades. 



Apesar dos números positivos no mercado interno, as exportações de implementos da empresa gaúcha recuaram 29,7% no terceiro trimestre de 2019, quando comparadas com o mesmo período de 2018.


Os números expressivos do mercado nacional, garantiram a divisão de montadoras da empresa gaúcha uma receita líquida de R$ 627,6 milhões no terceiro trimestre, crescimento de 21,6% em relação ao mesmo período de 2018.

“Mesmo com volatilidade no mercado, conseguimos receitas robustas e manutenção das margens, o que mostra a consistência das ações da Companhia”, comenta o CFO das Empresas Randon, Paulo Prignolato. Ele lembra que a projeção de safra recorde, aliada à estabilidade econômica brasileira, com juros e inflação baixos, influenciam na melhora da confiança dos agentes econômicos. Também a Fenatran, que aconteceu em outubro, em São Paulo, contribuiu para a continuidade da realização de bons negócios durante o atual e o próximo ano. Nesta que é a maior feira do transporte de cargas da América Latina, as Empresas Randon apresentaram mais de 20 lançamentos e inovações, que destacam ainda mais a empresa entre os principais players globais de transporte de carga.

TEXTO: Lucas Duarte
Com informações: Randon
Caminhões e Carretas

Postar um comentário

0 Comentários