Librelato lança semirreboque tanque com eixo autodirecional de ponteiras móveis

Fenatran/Divulgação
Presente na 22ª Fenatran – Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Carga, a Librelato apresentou um novo semirreboque tanque em aço carbono.

Além da menor tara do mercado, 8680 kg, o novo implemento conta com eixos com capacidade de 13 toneladas, calotas adequadas para o transporte de Metanol, berços e acessórios parafusados ao chassi, e suspensão pneumática de três eixos distanciados, sendo o primeiro eixo autodirecional de ponteiras móveis, conhecido como “eixo de manga”.

Sem ultrapassar os limites legais de peso, o novo semirreboque tanque tem capacidade para transportar até 45 mil litros de gasolina, 43 mil litros de etanol ou 41 mil litros de diesel, mesmo quando configurado com suspensão mecânica no 2º e 3º eixos, que eleva a tara do equipamento em torno de 250 quilos.

Os berços da caixa de carga e os acessórios parafusados ao chassi permitem maior rapidez e também menor custo de manutenção para o cliente, pois as uniões parafusadas substituem o uso de solda nesses locais. A grande vantagem de equipamentos com uniões parafusadas em relação às versões soldadas está na eliminação de risco de explosões durante possíveis manutenções. Isso por que um tanque contém vapor de combustível depositado em seu interior, mesmo estando vazio. Qualquer manutenção que gere faíscas ou fagulhas, como a solda, por exemplo, pode ser extremamente perigosa.


As calotas dos tanques cilíndricos da Librelato são produzidas no formato torisférico, ou seja, estão dimensionadas para o transporte de produtos com maior pressão de trabalho do que a dos combustíveis mais comuns. Um produto com essa característica é o Metanol, muito utilizado na produção de biodiesel. Desta forma, a capacitação do tanque Librelato para o transporte do Metanol é muito mais simples e de menor custo, tanto para equipamentos novos como para usados. Trata-se de uma adaptação que exige pequenas alterações, principalmente por meio da troca da tampa de carregamento.

Sistema de Eixo Autodirecional traz segurança e economia às operações de transporte
O novo Eixo Autodirecional adotado na linha de produtos da Librelato também será aplicada ao novo Semirreboque Tanque. Ele possui um sistema de bloqueio do esterçamento para as manobras em marcha a ré, que mantém o eixo centralizado automaticamente, sem a necessidade de alinhar o conjunto ou suspender o eixo antes da manobra, o que torna a operação mais rápida e segura. De acordo com Rafael Bett, entre outras vantagens, os amortecedores de direção estabilizam o esterçamento, eliminando vibrações nos rodados. “Seu sistema de mancais é extremamente durável. O eixo possui ainda um exclusivo sistema de alinhamento que, em caso de manutenção, permite sua remontagem sem que seja necessário refazer a convergência das rodas. Sua barra de ligação é de regulagem extremamente simples e isenta de lubrificação. Todas essas características facilitam a manutenção e reduzem custos e tempo de parada. A aplicação desta tecnologia significa que o equipamento operará com o máximo desempenho e segurança, por muito mais tempo”, ressalta Bett.  

TEXTO: Lucas Duarte
Com informações: Librelato

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Em 2019, lançamento aqui usando melhorias num eixo autodirecional que piora o esterço e arrasto numa manobra de ré. Enquanto isso, há mais de 15 anos, em países desenvolvidos, o eixo eletronicamente direcional existe.

    ResponderExcluir

Nunca publique suas informações pessoais, como por exemplo, números de telefone, endereço, currículo etc. Propagandas, desrespeito ou ofensas não serão toleradas nos comentários.