Volvo estima mais de R$ 1 bilhão em negócios na Fenatran

Divulgação/Volvo
A Volvo encerrou a sua participação na Fenatran 2019 com uma estimativa de mais de  R$ 1 bilhão em negócios, somando-se a venda de caminhões, planos de manutenção e serviços financeiros, como seguros e consórcio. “Esperamos atingir mais um recorde de vendas, com o maior volume de negócios já alcançado pela Volvo em toda a história da Fenatran”, comemora Wilson Lirmann, presidente do Grupo Volvo América Latina.

Se confirmado, o resultado será aproximadamente o dobro do registrado pela montadora sueca na edição anterior da feira, realizada em outubro de 2017. “Além de um importante momento para poder lançar novos produtos e serviços e apresentar as novas tecnologias de transporte, a Fenatran sempre foi um evento de negócios para a Volvo. E nesse ano sentimos um otimismo ainda maior dos clientes, que estão vendo sinais positivos no mercado de transportes e decidiram investir para renovar suas frotas”, explica Alcides Cavalcanti, diretor comercial de caminhões da Volvo no Brasil.

Dentre os negócios realizados durante o evento, destaca-se a alta procura pelo Volvo FH 540 6x4, modelo que em 2019 lidera o segmento brasileiro de caminhões pesados com mais de 5 mil unidades emplacadas de janeiro a setembro.


A marca sueca também bateu recordes de vendas de planos de manutenção, de seguros e de consórcio. Atualmente, sete em cada 10 caminhões vendidos pela marca tem algum tipo de plano de manutenção.

Destaca-se ainda os resultados positivos da Volvo Financial Services Brasil. Além da comercialização significativa de seguros e de cotas de consórcio, a divisão financeira da marca lançou uma atualização do Financiamento Sazonal para a compra de caminhões, uma modalidade voltada para os transportadores cujos setores são impactados pela sazonalidade da produção e precisam de uma opção especial de pagamento das parcelas.

Além dos números expressivos de negócios, as estimativas de público no estande da marca também impressionam. Segundo o balanço da Volvo, nos cinco dias de feira, mais de 10 mil pessoas passaram pelo estande, entre clientes e visitantes em geral.

TEXTO: Lucas Duarte
Caminhões e Carretas

Postar um comentário

0 Comentários