FENATRAN e MOVIMAT recebem mais de 60 mil visitantes e geram R$ 8.5 bilhões em oportunidades de negócios

Fenatran/Divulgação
A 22ª edição da FENATRAN - Salão Internacional de Transporte Rodoviário de Cargas - e a MOVIMAT - 33ª edição do Salão Internacional da Logística Integrada - atraíram 62 mil visitantes entre os dias 14 e 18 de outubro, no São Paulo Expo. Neste período foram gerados mais de R$ 8.5 bilhões em oportunidades de negócios. Entre os participantes estavam executivos de mais de 55 países, e representantes de 27 estados, contabilizando mais de 1800 municípios. Houve crescimento de 24% em relação ao número de visitantes e 2 vezes mais oportunidades geradas em relação a edição 2017, quando os eventos receberam 350 empresas. Esse ano, mais de 450 marcas participaram dos eventos e representaram 100% da cadeia do transporte rodoviário de carga.

"Tivemos a presença massiva dos principais compradores do setor de transportes rodoviário de cargas que visitaram a FENATRAN e a MOVIMAT com grande entusiasmo e disposição para fazer negócios. Superamos as expectativas, isso mostra a força dos nossos eventos em criar oportunidade e gerar negócios”, destacou Leandro Lara, diretor do portfólio de mobilidade da Reed Exibitivos Alcantara Machado, empresa organizadora da FENATRAN.

Esta edição da FENATRAN também ficará marcada pela alta tecnologia apresentada e discussões sobre sustentabilidade e novas formas de propulsão. Nos estandes, foram encontrados lançamentos de caminhões elétricos, a gás natural e hidrogênio, entre as fontes alternativas, e recursos eletrônicos de condução semi-autônoma, além de novas tecnologias para rastreamento, telemetria e serviços que que visam a maior eficiência do transporte.

"Encontramos nesta edição uma diversidade enorme de inovação. Muitas tecnologias que já são realidade em outros países foram apresentadas como soluções para o mercado brasileiro, como caminhões elétricos, movidos a gás natural e hidrogênio, com recursos eletrônicos e de condução semi-autônoma. Muitos fóruns debateram e anteciparam a visão sobre o futuro do transporte e da mobilidade. É um caminho que nós, como organizadores da FENATRAN, estamos satisfeitos em ajudar a criar”, comentou Lara.

Discussões e palestras sobre o futuro da mobilidade, na Arena New Mobility Logistics, fizeram parte do cotidiano dos visitantes da feira. A plataforma foi criada pela Reed Exhibitions para discutir e apresentar as principais novidades sobre a nova mobilidade de pessoas e cargas. O projeto foi um grande sucesso no salão 2018 e agora novamente foi apresentado na FENATRAN. "A segunda edição do New Mobility trouxe ao segmento um formato inédito e relevante para as marcas discutirem as novas tendências que impactarão seus negócios nos próximos 10 anos”, explica Luiz Bellini, Diretor da FENATRAN e MOVIMAT.

 O público pôde conferir de perto, por meio de um programa de realidade virtual, o mock up do Hyperloop, o primeiro modelo de cápsula de transporte da Hyperloop TT em escala 1:1. Os visitantes tiveram a oportunidade de experimentar a sensação de viajar na velocidade do som por meio de um programa de realidade virtual. Além de mover cargas e pessoas a velocidades sub-sônicas, o sistema Hyperloop TT gera excedente de energia, capturada do sol.

Esse modelo de transporte do futuro é feito em cápsulas aerodinâmicas, que viajam dentro de tubos magnéticos, que por sua vez são cobertos por painéis solares. Essa estrutura gera energia limpa para mover as cápsulas e abastecer cidades no entorno das linhas de transporte. O primeiro protótipo da cápsula iniciou sua fase de testes em 2018 e duas linhas experimentais já funcionam em Toulouse, na Franca, e em Abu Dhabi.

A StartSe, em parceria com o New Mobility, trouxe para a feira a StartSe Startup Village. Trata-se de um projeto inspirador, que reuniu startups com amplo portfólio de serviços, recursos tecnológicos e soluções inovadoras. Todas direcionadas à melhoria da mobilidade urbana, transporte e logística. A participação ampliada para estandes ficou disponível para as StartUps, expondo soluções em um modelo de participação facilitada, como: Startups com capacidade para agregar valor em um dos principais setores da economia brasileira; Palco para demonstração de soluções e apresentação para investidores; Modelo de participação facilitado, por dia ou período completo, com estande pronto.

O New Mobility também apresentou na FENATRAN novos produtos que chamam atenção pela diversidade de atividades em que podem atuar. Um dos conceitos, por exemplo, é a Cargo Bike, bicicleta elétrica sem solda desenvolvida para entrega de pequenas encomendas. O projeto é munido de motor elétrico desenvolvido no Brasil. Um pista foi instalada na arena para o público realizar os test-rides.

O jornal O Estado de São Paulo foi o parceiro oficial de divulgação, coorganizador e curador de conteúdo. A Volkswagen Caminhões e Ônibus apresentou o projeto, que contou, pelo segundo ano consecutivo, com patrocínio da líder mundial na produção e fornecimento de produtos de nióbio, a CBMM (Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração) e da Mobileye, subsidiária Intel, líder global no desenvolvimento de tecnologia ADAS (Advanced Driver Assistance Systems) e direção autônoma.

Na FENATRAN Experience, que retornou ao evento após duas edições, foram realizados mais de 2.000 test-drives no circuito de 2 km, com veículos das marcas Peugeot, Citroen, Mercedes-Benz, Scania e Volkswagen. O público teve a experiência de pilotar alguns dos mais atuais, confortáveis e modernos veículos pesados e comerciais leves disponíveis no mercado no parque localizado na área externa do São Paulo Expo. Em parceria com a empresa Continental, fornecedora de pneus de tecnologia alemã para diversos modelos de caminhões fabricados no Brasil, o FENATRAN Experience também utilizou a pista para lançar um novo pneu da marca para uso na extração de madeira e transporte de cana-de-açúcar.

A FENATRAN também contou com Rodadas de Negócios organizadas pela Reed Exhibitions, nacional e internacional e gerou mais de R$ 82 milhões em vendas em apenas duas manhãs. Estiveram presentes nas mesas compradoras, transportadoras, indústria de alimentos, distribuidores, importadores e profissionais de logística para realizarem negócios com expositores de Fenatran e Movimat, totalizando 150 reuniões.

Para o presidente da ANFAVEA (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores), Luiz Carlos Moraes, a 22ª edição da FENATRAN foi o marco da retomada do setor. "Registramos muitos visitantes ao longo dos dias da feira e o clima no evento foi muito positivo. Algumas das nossas associadas nos informaram que precisaram trazer mais vendedores para os estandes e outras bateram a meta para o ano. Esta é uma informação fantástica, pois não existe compra de veículos comerciais se não há uma boa expectativa com a economia do país. E esta FENATRAN nos mostrou que os responsáveis por carregar grande parte do PIB do Brasil estão confiantes e otimistas para o futuro”, comentou Moraes.

O vice-presidente da NTC&Logística, Urubatan Helou, destacou que a grandiosidade da feira não ficou apenas no seu tamanho, na beleza dos estandes ou no público extraordinário. “A maior atração foi o expressivo número de negócios gerados. Os transportadores vieram dispostos a comprar e compraram muito. A conclusão foi praticamente a mesma: encantamento com a beleza da feira, mas o que mais entusiasmou foi a oportunidade de fazer bons negócios“.

Já o presidente da Associação Nacional Fabricantes de Implementos Rodoviários (Anfir), Norberto Fabris, comentou que “a FENATRAN 2019 está sendo um grande sucesso para os negócios de implementos rodoviários e ajudará bastante o nosso processo de recuperação das perdas“.

O presidente do Grupo Volvo América Latina, Wilson Lirmann, estimou terminar sua participação na FENATRAN 2019 com mais de R$ 1 bilhão em negócios, somando-se a venda de caminhões, planos de manutenção e serviços financeiros, como seguros e consórcio. “Esperamos atingir mais um recorde de vendas, com o maior volume de negócios já alcançado pela Volvo em toda a história da FENATRAN”.

O resultado esperado pela Volvo é aproximadamente o dobro do registrado na edição anterior da feira, realizada em outubro de 2017. “Além de um importante momento para poder lançar novos produtos e serviços e apresentar as novas tecnologias de transporte, a FENATRAN sempre foi um evento de negócios para a Volvo. E nesse ano sentimos um otimismo ainda maior dos clientes, que estão vendo sinais positivos no mercado de transportes e decidiram investir para renovar suas frotas”, explicou Alcides Cavalcanti, diretor comercial de caminhões da Volvo no Brasil. Até as 21 horas de sexta-feira 18, estima-se que passaram mais de 10 mil pessoas pelo estande da Volvo, entre clientes e visitantes em geral.

O diretor comercial da Scania, Silvio Munhoz, disse que as vendas superaram a expectativa e a capacidade de receber os clientes foi mais do que atingida, muito melhor do que a edição anterior. "Apresentamos os caminhões a gás, com abertura de vendas no primeiro dia e conseguimos mais de dez vendas. Isso significa uma grande resposta que os clientes deram para nós, e podemos afirmar que o caminhão a gás é sim viável para o Brasil. Nossa ideia é liderar os sistemas de transportes para ser mais sustentável. Na área de serviços foi sucesso, mais de mil programas de manutenção, e o que comprova que a solução completa da marca em produto, serviço e a alternativa financeira são o ideal para o cliente. Lançamos na feira o programa de manutenção premium, flexível que reduz em 25% os custos de manutenção, o que gerou um sucesso e os clientes receberam muito bem esse programa. Superamos as expectativas e terminamos o ano com muito otimismo", explicou Munhoz.


Roberto Leoncini, vice-presidente de Vendas e Marketing Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil, conta que a montadora foi para a Fenatran com o objetivo de iniciar uma nova era no transporte brasileiro de cargas. “Com muita tecnologia, inovação e conectividade, lançamos o Novo Actros, primeiro caminhão sem retrovisores externos do Brasil e o primeiro digital do mercado. No salão, apresentamos também a Nova Sprinter, um veículo à frente do seu tempo. Com todas essas novidades, percebemos que o nosso estande foi um dos mais visitados durante o evento. Em cinco dias, recebemos mais de mil clientes de todas as regiões do Brasil e também grupos da América Latina, África e Oriente Médio. Além de irem ao estande, esses grupos também visitaram a nossa fábrica em São Bernardo do Campo (SP). Todas essas visitas geraram bons negócios que superaram as nossas expectativas. Para se ter uma ideia, houve momentos que todas as salas de reuniões do estande estavam completamente lotadas de clientes, o que significa um interesse forte nos nossos novos produtos.  E não foram somente negociações de caminhões e Sprinter, percebemos que os clientes também estavam interessados em adquirir serviços para garantir a rentabilidade de suas operações. Acreditamos que a Fenatran 2019 foi um marco para o segmento. E esperamos que 2020 reflita os bons resultados conquistados durante o salão deste ano”.

A MAN apresentou durante o evento 15 novos modelos, entre eles o e-Delivery, o Delivery automatizado e o Delivery 4x4. Segundo Ricardo Alouche, vice-presidente de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da Volkswagen Caminhões e Ônibus, “essa foi a melhor Fenatran dos últimos tempos". Comparando com a edição passada, o movimento dos clientes e dos interessados em se aprofundar nos produtos e serviços aumentou.  “A gente preparou um estande maravilhoso para receber todos com maior carinho e atenção. E encerramos com chave de ouro na sexta-feira com o movimento acima do normal, o que nos traz grande gratidão", comenta Alouche.

Segundo Ana Theresa Borsari, country manager da Peugeot e Citroen, a importância que o transporte de carga tem no país é fundamental para a estratégia das marcas Peugeot e Citroen não só no Brasil, mas em todo o mundo. "Por isso, nossas marcas sempre buscaram entender de maneira profunda as necessidades de quem utiliza esses veículos no dia a dia, seja para o transporte de carga ou passageiros. A participação das marcas na FENATRAN foi muito importante para mostrar toda a nossa gama de produtos. Apresentamos aqui a mais completa e versátil gama de veículos utilitários do mercado brasileiro, orientada para atender as expectativas de todos os profissionais do setor de transportes", disse Ana.

Amauri Parizoto, diretor comercial da FPT (Iveco) Industrial para a América do Sul, ressaltou que a FENATRAN é um dos maiores eventos do setor. "Para nós é um momento em que podemos nos aproximar dos clientes, mostrar nossas tecnologias e prospectar novos negócios. Em 2019 tivemos uma feira extremamente positiva, com excelente organização e um número de visitantes que surpreendeu. Um público sempre interessado em novas tecnologias e lançamentos”.

A Goodyear Brasil, por meio de seu diretor da unidade de pneus comerciais, Eduardo Gualberto, comentou que a oportunidade de apresentar o Total Solution em uma feira como a FENATRAN foi extremamente importante. "O momento foi propício para celebrarmos os nossos 100 anos de Brasil. Sempre trabalhamos lado a lado dos nossos clientes e, por isso, oferecendo soluções adequadas às suas necessidades", destacou.

Após cinco dias de relacionamento com clientes e fornecedores durante a 22ª FENATRAN, as Empresas Randon fizeram balanço positivo de sua participação neste que é o maior evento do setor rodoviário de cargas da América Latina, edição que marcou, também, a celebração dos 70 anos da Companhia. A Randon Implementos, que integra a Divisão Montadora, programou-se para, no mês de outubro, incluindo o período da FENATRAN, fechar negócios equivalentes a 3 meses de atividade. O resultado foi muito superior ao alcançado na última edição de 2017.

Na divisão de Serviços Financeiros, representada pelo Banco Randon e Randon Consórcios, foram comercializadas mais de 300 quotas de consórcio. E quem ganhou com os negócios totais consolidados foi a área de Responsabilidade Social das Empresas Randon, que recebeu contribuição espontânea oriunda das vendas somando mais R$ 80 mil, destinados ao Programa Florescer, que prepara crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social para o exercício da cidadania.

Rodrigo Bonilha, gerente nacional de vendas de pneus de carga da Continental Pneus Brasil, explicou que a FENATRAN é uma feira de negócios que sempre gera novas oportunidades. "Acreditamos no ganho de produtividade, aumento de vida útil e redução de consumo de combustível que os pneus inteligentes que apresentamos (com sensor acoplado) podem entregar para os transportadores, montadoras e implementadoras. Em apenas um de nossos clientes, por exemplo, o tempo de monitoramento dos pneus, antes realizado de forma manual, foi reduzido de 1h30 para apenas dois minutos”, reforçou.

Pela primeira vez na FENATRAN, a coordenadora de marketing da ZM/SA, Poliana Zimermann, disse estar muita satisfeita com o retorno de público, tanto em qualidade como quantidade de visitantes no estande da empresa. "Estamos muito otimistas com relação aos novos negócios que podem ser concretizados a partir de nossa exposição. Queremos consolidar ainda mais nossa marca na Linha Pesada e acreditamos que a FENATRAN com certeza pode contribuir muito com isso", destacou.

100 open startups
Um potencial enorme de conexão. Dentre as 1.096 startups vinculadas ao tema atualmente cadastradas na 100 open startups, 55 startups foram selecionadas para estar neste experimento junto à FENATRAN e já atraíram 300 pedidos de reunião de 80 empresas líderes como Scania Brasil, Madeirint, Enlog, Volkswagen, Toyota, Cummins, Goodyear, Ford, dentre outras.

"Hoje todos estão atentos à transformação digital que vem impactando os principais setores do mercado. Transporte e Logística não é diferente. A FENATRAN, que reúne as grandes líderes do setor, abriu esse espaço muito importante para que as startups e grandes empresas possam cocriar inovações para o futuro. A 100 Open Startups coordenou esse experimento e a adesão foi excelente, foram mais de 50 startups e 80 grandes empresas abertas a conexões de negócios nestes dias do evento. Acompanhar o que há de novo sendo proposto por estes empreendedores é sem dúvida o caminho para os executivos que querem ser protagonista desse movimento”, afirmou  Rafael Levy, Chief Technical Officer da 100 Open Startups.

MOVIMAT
Paralela à FENATRAN 2019, a MOVIMAT reuniu os principais compradores da indústria e dos setores de distribuição, atacado, varejo e comércio eletrônico interessados em produtos, serviços, soluções, conteúdo e o que há de mais moderno no mercado para eficiência de seus processos logísticos e intralogísticos.

“Com a realização dos dois eventos no mesmo espaço, ampliamos as possibilidades tanto para expositores, como para os visitantes. O complexo FENATRAN-MOVIMAT fortalece a oferta de tecnologias e inovações para esses mercados e os eventos juntos contribuem para tornar as operações mais eficientes, reduzindo custos e ajudando a tornar os negócios mais competitivos”, salientou Luiz Bellini.

A junção da MOVIMAT com a FENATRAN teve um balanço positivo na exposição que marcou os dois anos de Intralogística Conectada, com a união das marcas Linde, STILL e Dematic, do Grupo KION, e Águia Sistemas.

"Nosso estande ficou bem localizado, na transição entre os dois eventos, e fomos surpreendidos com a boa movimentação — cerca de 1.500 visitantes, durante os cinco dias de evento —, com excelentes oportunidades de fechamento de negócios no local e prospecção para futuros projetos. Percebemos que o mercado, que estava estagnado há alguns anos, voltou a reagir", destacou Kareen Ratton, Business Development Manager do Grupo KION.

Segundo Adriana Firmo, diretora de vendas e serviços da multinacional, a sinergia entre os dois eventos foi ótima e confirmou que os compradores interessados em caminhões também estão interessados em armazenagem e movimentação interna de materiais:

"Além disso, nosso estande também impressionou, pois os equipamentos que foram expostos demonstraram que estamos na vanguarda das soluções em movimentações e armazenagem. Inovamos ao demonstrar a empilhadeira HT160Ds, com capacidade para 16 toneladas — não é muito comum expor uma máquina dessas proporções numa feira —, que impressionou pela magnitude, tamanho e pelas diversas aplicações para vários segmentos de indústria aqui no Brasil. Outros destaques foram o nosso lançamento Empilhadeira Retrátil FM-X NG Cabinada — ainda que seja do segmento de frigorífico — e também pela tecnologia da RX60-35, que é equipada com bateria Li-Ion, configurada para atender ao segmento de bebidas".

Para a JLW, a MOVIMAT é o evento mais forte do nosso setor, onde é possível encontrar uma grande parcela dos clientes e iniciar novas negociações. “Recebemos mais visitas do que eu espero neste ano, um público selecionado, com poder decisório nas negociações, o que permite considerarmos o evento como o mais forte para nosso segmento. Para os negócios a feira estava ótima e com certeza manteremos nossa participação na próxima edição”, falou Lisandra Bueno, diretora de marketing da JLW.

Para Gilberto Souza, gerente de vendas da Valeo Thermal Transport Refrigeration, a estreia na FENATRAN / MOVIMAT 2019 foi extremamente positiva e superou as expectativas. “Tivemos a apresentação do primeiro protótipo de equipamento para refrigeração de transporte destinado ao segmento de semirreboques a ser produzido no Brasil sob as normas nacionais e levando em conta o comportamento e a cultura dos clientes locais. A receptividade dos clientes foi fantástica e nos deu bons feedbacks que ajudarão na fase final dos testes. O resultado disso será um equipamento com o melhor custo benefício do mercado, mais leve e de menor custo operacional. O espaço da feira também foi ocupado para encontro com fornecedores internacionais de grande parte dos componentes que iremos utilizar em nossa planta de Cachoeirinha (SP). Estabelecemos também contatos internacionais com prospects de clientes de toda a América Latina que também é foco de nossa operação no Rio Grande do Sul”, explicou Souza. 

SAE BRASIL de Tecnologia da Mobilidade 
Com o tema central “Veículos e Vias Inteligentes – O caminho para a Mobilidade Sustentável”, a 28ª edição do Congresso e Mostra Internacionais SAE BRASIL de Tecnologia da Mobilidade ocorreu  simultaneamente à FENATRAN. O evento reuniu lideranças mundiais, profissionais do mercado, pesquisadores e estudantes do setor da Engenharia da Mobilidade, no São Paulo Expo, simultaneamente à 22ª FENATRAN.  O Congresso teve nove Painéis Temáticos - Transformação Digital, Educação de Engenharia, Presidentes, Caminhões e Ônibus, Ferroviário, Engenheiros-chefes, Operações Industriais Conectadas, Veículos Elétricos e Híbridos e Painel Internacional – que contaram com a participação de 74 painelistas para discutir a sustentabilidade como norte para a mobilidade do futuro.

“Encerramos o 28º Congresso SAE BRASIL, mas iniciamos um novo ciclo que terá um papel fundamental na construção de uma sociedade que seja melhor para as próximas gerações. Os conteúdos e as reflexões deste Congresso nos ajudam a refletir e olhar para novos caminhos, muitas vezes, disruptivos, mas que, sem dúvida, irão impulsionar a mudança para um ecossistema de transporte mais sustentável”, avaliou o presidente do Congresso SAE BRASIL 2019, Christopher Podgorski, que também é presidente e CEO Scania Latin America, empresa host desta edição do evento.
FONTE: Fenatran

Postar um comentário

0 Comentários