New Holland apresenta a maior colheitadeira e o maior trator para arroz do Brasil na Expointer

New Hollnad/Divulgação
Para os produtores de arroz, a New Holland Agriculture, marca da CNH Industrial, é sinônimo de tradição e tecnologia. Na 42ª edição da Expointer, uma das mais importantes feiras agropecuárias da América Latina, que acontece entre os dias 24 de agosto e 1º de setembro em Esteio (RS), não será diferente. A marca lança a CR 7.90 Arrozeira, a maior colheitadeira de arroz do Brasil, com 425 cv de potência e tanque graneleiro de 12.330 litros.

A nova CR 7.90 Arrozeira é resultado da demanda de rizicultores que buscam cada vez mais produtividade e versatilidade no campo. Além de sistemas e peças reforçadas a máquina oferece um graneleiro e uma taxa de descarga maiores do que qualquer outra colheitadeira de arroz, o que reduz as paradas e aumenta a eficiência no dia a dia. Somando todas essas características, a CR 7.90 Arrozeira garante até 28% a mais de produtividade.

Multicultura, a CR 7.90 Arrozeira tem todas as funcionalidades e ferramentas para colher outros grãos, como soja e milho, por exemplo. Equipada com o exclusivo sistema de duplo rotor, que garante um processo de debulha e separação incomparável, a máquina conta com o sistema ASP™, que evita a entrada de pedras no industrial da máquina; o sistema Intellicruise™, que controla automaticamente velocidade de colheita de acordo com as condições da lavoura; além do sistema de mesa nivelante, que garante a distribuição uniforme do material sobre o bandejão e peneiras, reduzindo drasticamente o índice de perdas na lavoura e oferecendo maior qualidade de grão dentro do tanque graneleiro.

“O avanço da soja em áreas de várzea é uma realidade crescente, principalmente na região Sul do Rio Grande do Sul. A nova CR 7.90 Arrozeira nasce preparada para os desafios da colheita do arroz. Ela é perfeita para produtores que fazem essa rotação, já que oferece alta performance e produtividade em ambas as culturas e nas mais adversas condições de colheita”, afirma Guilherme Parize, gerente de marketing de produto da New Holland Agriculture.

A CR 7.90 Arrozeira conta também com opções de esteira de 36 polegadas ou pneu no eixo dianteiro; além de trabalhar com plataforma caracol ou draper. “É uma máquina em que o produtor rural escolhe a melhor configuração para propriedade dele. A CR7.90 Arrozeira tem força, tração e garante uma colheita perfeita em qualquer condição, o que é muito importante quando se trata de terrenos alagadiços, com maior massa de palha, e abrasivos, característicos da rizicultura”, diz Carlos Cabral, especialista de marketing da New Holland Agriculture.


Total Confiança
A CR 7.90 Arrozeira é lançada um ano depois da TC5090 Arroz, apresentada na Expointer do ano passado, o que mostra a relevância do setor para a New Holland Agriculture. A TC5090 Arroz tem potência nominal e máxima de 258 cv e 270 cv, respectivamente; capacidade de armazenamento de 7.200 litros; velocidade de descarga de 63 litros por segundo e pode trabalhar com plataformas de 20 ou 25 pés.

A TC 5090 conta com um eficiente sistema de duplo rotor de separação, processo importantíssimo quando se trata de arroz. Os rotores são responsáveis por fazer a separação do grão, que vai ao graneleiro, e da palha, que é expelida.

Trator arrozeiro 
A proposta da New Holland Agriculture é oferecer aos rizicultores que buscam cada vez mais produtividade no campo uma solução de equipamentos de alta potência e última geração em termos de tecnologia. Para tanto, complementando a oferta da CR7.90 Arrozeira, a New Holland também apresenta um gigante para rizicultura, o trator T9.435, o maior do Brasil para arroz. Com 370 cv de potência nominal, o T9 Arrozeiro é equipado com pneus R2, que permitem maior força de tração, especialmente nos terrenos alagados.

A rizicultura tem como tradição o uso de tratores articulados de alta potência, principalmente nas operações de preparo de solo e colheita. No entanto, há anos a indústria não oferecia aos rizicultores uma opção de mercado nesta categoria. Com o T9.435, a New Holland oferece aos clientes a oportunidade de, novamente, realizar essas operações agrícolas com qualidade, conforto e alta performance.

Os tratores da série T9 com tração integral nas quatro rodas aliam força e conforto. “É um trator que performa muito bem. Sua força permite trabalhar com implementos maiores, aumentando a produtividade na lavoura, o que gera economia para o produtor”, afirma Nilson Righi, gerente de produto da New Holland Agriculture.

O Rio Grande do Sul, de acordo com o Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), é responsável por quase 70% do grão produzido no país, com 12 mil produtores. Neste ano, o estado colheu 7,2 milhões de toneladas. “As nossas máquinas sempre foram referência e tiveram liderança no mercado de arroz, que tem características peculiares do plantio à colheita. Oferecemos um portfólio completo em que o produtor escolhe a melhor opção”, afirma Rafael Miotto, vice-presidente da New Holland Agriculture para a América do Sul.
FONTE: New Holland

Postar um comentário

0 Comentários