Projeto de lei acaba com a pontuação e suspensão da CNH de caminhoneiros

PRF/Divulgação
Com o objetivo de evitar a perda da habilitação de motoristas profissionais, especialmente de caminhoneiros, o Deputado Federal, Boca Aberta (PROS/PR), apresentou na última semana o Projeto de Lei 3919/2019 que suspende a contagem de pontos e suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) das categorias C, D e E.

Pela proposta que altera o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), a penalidade da suspensão do direito de dirigir sempre que o condutor superar a contagem de 20 pontos em um período de 12 meses será aplicada apenas aos motoristas habilitados nas categorias A e B. Ou seja, exclui-se a pontuação da CNH de motoristas profissionais e evita-se a possibilidade da suspensão do direito de dirigir. 

Segundo o parlamentar, alcançar 20 pontos está cada dia mais comum no trânsito brasileiro, e no caso dos motoristas profissionais esse fato gera um problema grave, a perda da habilitação, o que impossibilita o exercício da profissão. O deputado ressalta ainda que a suspensão da habilitação implica na perda do emprego, meio de vida e sustento da família do motorista profissional.


Boca, destacou ainda que a suspensão da habilitação de motoristas profissionais também eleva os custos de empresas no segmento de transportes, já que se veem obrigadas a demitir o motorista e realizarem novos processos seletivos de motoristas e posteriormente o treinamento dos recém-contratados. 

Por fim o Deputado Federal sugere ainda que diante do elevado risco da perda do emprego, a suspensão do seu direito de dirigir seja aplicada apenas aos motoristas profissionais extremamente imprudentes.

A proposta aguarda agora a análise e discussão pelas respectivas comissões da casa. Não há um prazo para essas atividades sejam realizadas e bem como garantia que seja aprovado e convertido em lei. 

Confira na íntegra o Projeto de Lei 3919/2019: CLIQUE AQUI

TEXTO: Lucas Duarte

Postar um comentário

16 Comentários

  1. ridiculo esse projeto é só o motorista não cometer inflação de transito que não perde o direito de dirigir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que é inflação de trânsito ? Kkk

      Excluir
    2. Também gostaria de saber o que é isso inflação de trânsito ? Kkkkk

      Excluir
    3. Fala isso por que não tá nas estradas todos os dias correndo riscos pra levar comida pra sua mesa

      Excluir
  2. Rapaz vc já pegou e viajou numa viagem de mais de 5mil km? Acho q não neh pra tá falando uma merda dessas, hoje em dia com tantos radares eh impossível um motorista profissional não tomar multa, ele não toma pq quer e sim pq as vezes tem uma porra de um radar no meio do nada multando e o cara não ver e assim por diante, então cala a sua boca otario

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não discuta com quem escreve inflação de trânsito, kkk

      Excluir
    2. HAUhauHahUajUahIahsu
      Kkkkkkkkkk
      Bixo..ja que tocou no assunto, sem menosprezo, observe os comentários quando surgir matérias sobre vagas. Abraço. Kkkk

      Excluir
  3. Estou proibido de trabalhar por conta da pontuaçao na cnh...esta suspensa e nao consigo carregar em nenhum lugar...concordo q a lei seja para tds,mas nessa situacao acho absurdo tirar o direito de um pai de familia exercer sua profissao...as multas q resultaram na minha suspensao nem foi eu q tomei estao na minha habilitaçao por q nao transferi um carro q vendi....nao tem nenhuma multa gravussima nem grave....queria saber em qual outra profissao o cidadao perde o direito de trabalhar por algum erro, eu sei q nao estou totalmente certo. Mais tirar o direito de um cidadao exercer o seu trabalho é desumano...essa lei tem q ser revista sim o mais rapido possivel,pois sei q existem muitos pais de familia na mesma situaçao q eu....penso que em casos mais graves tem q haver sim puniçoes severas...mais em caso de multas leves ou medias penso que a puniçao é exagerada sim...6 meses sem poder trabalhar é totalmente desumano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Renato sou motorista profissional também e estou na mesma situação que você sem poder trabalhar espero que mude essa lei não sei o que vou fazer pra poder ganhar o meu sustento e o da minha família é uma vergonha essa situação

      Excluir
  4. Esse imbesil está falando merda porque ele é motorista só final de semana o famoso domingueiro

    ResponderExcluir
  5. Essa medida é boa, caso seja aprovada vai ajudar muitos motoristas profissionais a continuar trabalhando, mas não podemos deixar de punir os imprudentes, que dirigem embreagados ou sob efeito de alguma substância...sou caminhoneiro e reconheço o abuso de alguns motoristas..

    ResponderExcluir
  6. Então : só uma coisinha. Sou motorista mas de veículo leve. Se eu acumular 20 pontos eu também perco minha cnh. Minha família vive do meu salário. Inclusive na minha cnh está escrito : exerce atividade remunerada. Qual a diferença entre mim e o caminhoneiro ? Tenho 34 anos de habilitação.

    ResponderExcluir
  7. Concordo, acho que o motorista comprovando que depende de CNH para ganhar o seu sustento, deve ter o mesmo direito.

    ResponderExcluir
  8. Doeu meus olhos tanto em ler o projeto quanto alguns comentários. Se aprovado, vai gerar mais impunidade no trânsito. Tem até gente falando o absurdo de culpar o radar porque "não viu". Assim como todo serviço tem regras a ser seguidas, caminhoneiro não é exceção. Só respeitar os limites de velocidade que não vai perder CNH e garantir o pão da sua família (e em troca, não arriscar a vida de ninguém fazendo barbeiragem). Daqui a pouco mototaxistas, táxis, motoristas de aplicativos também vão atrás desse "direito". E viva a guerra no trânsito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Passar num radar a 7 km/h a mais do permitido é impunidade do que imbecil? Cala tua boca e vai se preocupar com o que realmente é impunidade

      Excluir

Nunca publique suas informações pessoais, como por exemplo, números de telefone, endereço, currículo etc. Propagandas, desrespeito ou ofensas não serão toleradas nos comentários.