PACCAR obtém pontuação Elite “A” do CDP por práticas ambientais

A PACCAR foi homenageada como líder global em práticas ambientais pela empresa de relatórios ambientais CDP. A PACCAR entrou na Lista A de Mudanças Climáticas da CDP de 2018, demonstrando ser a melhor na divulgação e redução de emissões de gases do efeito estufa em seus veículos comerciais e instalações globais.
Todos os anos, milhares de empresas divulgam dados sobre seus impactos, riscos e oportunidades ambientais ao CDP para avaliação independente de sua metodologia de pontuação. As empresas que reportam recebem pontuações de A a D pela eficiência com que lidam com a mudança climática e outras questões ambientais.
“A Lista A do CDP Climate Change (Mudança Climática do CDP) reconhece o atingimento das metas de redução de emissões e outras práticas ambientais responsáveis da PACCAR. Estamos orgulhosos de estar entre os top 2% das mais de 6.000 empresas que se reportam ao CDP ”, disse Ron Armstrong, diretor executivo da PACCAR.
A liderança ambiental é um dos valores essenciais da PACCAR. O compromisso da PACCAR com o meio ambiente é demonstrado em nossos produtos tecnologicamente avançados, e nas operações sustentáveis e eficientes em termos de energia.
A PACCAR é líder no desenvolvimento de veículos comerciais com conjuntos propulsores alternativos. Kenworth, Peterbilt e DAF são veículos de teste de campo que utilizam bateria elétrica, célula de combustível de hidrogênio e conjuntos propulsores híbridos junto a clientes da América do Norte e da Europa.
A PACCAR é líder de mercado em veículos pesados movidos a gás natural nos EUA e Canadá. Os modelos 2019 dos caminhões Kenworth, Peterbilt e DAF reduzem o consumo de combustível e emissões de CO2 em até 15%, em comparação com os modelos de 2014. A PACCAR também está comprometida com a liderança ambiental em suas operações de produção; 93% dos locais de produção da empresa estão certificados pela ISO14001, e 75% são de resíduos zero para aterros sanitários.
FONTE: DAF
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário