Projeto de lei quer proibir a circulação de caminhões a diesel a partir de 2025 em São Paulo

Entre os assuntos mais comentados desta semana está o Projeto de Lei (PL) 643/2017, de autoria do vereador Antonio Donato (PT), que tem como principal objetivo proibir a circulação de veículos movidos a diesel na capital paulista a partir de 2025.
Se aprovado, o efeitos do projeto de lei passariam a valer para veículos de passageiros nacionais e importados em 2023 e para todos os veículos pesados fabricados antes de 2009 em 2025. 
Além da restrição da circulação de veículos a diesel em São Paulo, SP, o projeto de lei pretende também restringir a venda do combustível já a partir de 2020, consequentemente reduzir a emissão de gases poluentes, atingindo carros, picapes, caminhões e ônibus. 
Em caso de aprovação, a restrição a circulação terá o seguinte cronograma: 

A partir de 01 de janeiro de 2020
Os postos de combustíveis localizados no município de São Paulo só poderão comercializar óleo diesel mediante adição, em volume, de no mínimo 20% (vinte por cento) de biodiesel.

A partir de 01 de janeiro de 2023 
Ficam proibidos de circular no município de São Paulo os veículos de passageiros, incluindo os de uso misto, nacionais e importados, movidos a óleo diesel. A proibição se aplica aos veículos de transporte com capacidade de carga até 2.500 kg e aos veículos de transporte de passageiros com capacidade de até 22 pessoas, excluindo o motorista.
A partir de 01 de janeiro de 2025 
Ficam proibidos de circular no município de São Paulo todos os veículos pesados movidos a diesel, assim entendidos caminhões e ônibus, fabricados antes de 2009, exceto aqueles que atendam aos níveis de emissões estabelecidos pela fase "P6" do Proncove - Programa de Controle de Emissões Veiculares, instituído pelo CONAMA - Conselho Nacional do Meio Ambiente.

A partir de 01 de janeiro de 2030 
Ficam proibidos de circular no município de São Paulo todos os veículos pesados movidos a diesel que não atendam aos níveis de emissões estabelecidos pela fase "P7" do Proncove - Programa de Controle de Emissões Veiculares. 

Confira na íntegra o Projeto de Lei: CLIQUE AQUI 

Proibição em âmbito nacional
Já no Senado Federal em Brasília, tramita um projeto de lei semelhante, que proíbe a venda de veículos novos movidos a gasolina ou diesel a partir de 2030 e, a partir de 2040, proíbe a circulação de qualquer veículo desse tipo.
Segundo o autor do projeto, o senador Ciro Nogueira (PP-PI), o PLS 304/2017 é baseado em decisões semelhantes tomadas em outros países, como por exemplo, o Reino Unido e a França que querem proibir a venda de veículos movidos a combustíveis fósseis a partir de 2040; a Índia, a partir de 2030 e a Noruega, já em 2025. 


TEXTO: Lucas Duarte
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

13 comentários:

  1. deviam tomar vergonha na cara e ver a qualidade dos combustíveis brasileiros e tambe´m cuidar do desmatamento da Amazonia, que ninguem faz nada, porque o interessante pra estes políticos calhordas e a corrupção

    ResponderExcluir
  2. oie somos casal de mogi das cruzes ela adora brincar email : casalbiritibamirim@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Projeto de lei por si só criminoso. Proíbe, basicamente, que o povo se locomova com liberdade e que se distribuam as mercadorias. Ou vocês acham mesmo que nessas datas citadas pelo iluminado parlamentar os veículos elétricos estarão difundidos (e a preço acessível), assim com hoje são os movidos a gasolina/diesel? Qual o percentual de veículos elétricos (pior ainda, pesados) em circulação no pais? Coisa de regime totalitário, sem dúvida.

    ResponderExcluir
  4. Isso mesmo marquem bem a cara desses políticos ai que votarem a favor desses projeto absurdo porque quando começar a faltar comida pro seus filhos comerem vcs vão bater na porta deles ou vcs acham que o alimento que nos caminhoneiros levamos pra vcs ai de São Paulo vai começar a chegar de avião ou quem sabe os políticos busquem pro povo de São Paulo

    ResponderExcluir
  5. E palhaçada mesmo, de Sérgio ele vai acaba de leva as cargas nas costas até destino final...

    ResponderExcluir
  6. Uma idiotice dessa nem merece conentarios. Muito menos ser apreciada e votada. É Para isso que o povo escolhe seus representantes?

    ResponderExcluir
  7. Manda ele da o cooll esse mane

    ResponderExcluir
  8. Teria o seguinte fazer logistica nos aredores da capital e caminhoes pequenos fazer entrega

    ResponderExcluir
  9. Este candidato tem uma noção do que ele tá fazendo porque me parece que não.

    ResponderExcluir
  10. este candidato não sabe o que está fazendo porque quantos caminhões rodam e ai vam ter que parar é.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro meu amigo...projeto de lei do deputado PTista

      Excluir
  11. Ao.golpe.aih na cara dura, favorecendo um cadin no bolso dos assinantes,
    Tenki faze não o cambada de.inutil vão por.projetos.de.fundamentos envez fikar com.titika de.galinha na cabesa, pra kabar mesmo iso taloko

    ResponderExcluir
  12. Vai ter que levar os alimentos nas costas dele

    ResponderExcluir