847 toneladas: A maior carga já transportada em uma rodovia brasileira

Um gerador, quatros caminhões, duas linhas de eixos, 392 pneus, 125 metros de comprimento, 5,80 metros de largura e 847 toneladas de peso bruto total combinado (PBTC), esses são alguns números da maior carga já transportada na história das rodovias federais brasileiras. 
O transporte histórico começou a ser realizado neste domingo (12) a partir das 6 horas da manhã na cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, com destino a uma nova usina termoelétrica localizada em Candiota, no sul do estado gaúcho. O percurso de 150 quilômetros através da BR-293 deve ser concluído em dois dias. 
A Locar Guindastes e Transportes Intermodais S.A é a empresa responsável pela operação, que conta ainda com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Além das duas linhas de eixos empregadas no transporte, a Locar escolheu quatro caminhões para a movimentação de todo o conjunto, uma Scania R500 6x4, uma Scania G470 6x4 e dois Oshkosh com 500 cv de potência cada. Os modelos se descolam a uma velocidade média de apenas 10 km/h.
O transporte acontece após um rigoroso planejamento e análise das estruturas viárias ao longo do caminho, como pontes, viadutos, rotatórias através de estudos técnicos que confirmaram a possibilidade do descolamento do conjunto sem prejuízos as estruturas. 
Neste domingo a primeira etapa do transporte foi concluída na cidade de Pinheiro Machado, após um percurso de 108 quilômetros. Segundo a PRF, na manhã desta segunda-feira (13) o transporte foi retomado por volta das 6 horas. 
TEXTO: Lucas Duarte
FOTOS: Fabrício Verpa - Coordenador de operações da LOCAR 

Blog Caminhões e Carretas 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário