Rodojunior perde conjunto após concessionária omitir socorro

Nesta quinta-feira (24) por volta das 9h da manhã um conjunto (cavalo-mecânico + carreta) pertencente a Rodojunior Transportes e Logística Ltda sofreu um acidente no KM 357 da BR-364, entre Rondonópolis e Cuiabá, Mato Grosso. 
O conjunto carregado com pluma de algodão que seguia sentido Cuiabá x Rondonópolis tombou em uma curva, vindo a apresentar um princípio de incêndio na carreta. Equipes da Rota do Oeste, concessionária que administra o trecho da rodovia, estiveram no local prestaram os primeiros socorros ao motorista e com o auxílio de uma equipe de bombeiros controlaram o princípio de incêndio. 
Entretanto, após o fim do socorro as equipes da concessionária deixaram o local, com isso o conjunto pertencente a Rodojunior Transportes permaneceu no local sem qualquer tipo de segurança ou serviço de remoção. 
Em contato por telefone com concessionária, um dos colaboradores da Rodojunior foi informado que o calor e a fumaça provocado pelo incêndio e a ausência de um responsável pelo veículo no local impossibilitaria a remoção do veículo. Na conversa a atende informa ainda que a remoção do veículo precisaria de uma autorização da Polícia Rodoviária Federal (PRF) já que o trecho precisaria ser interditado. Em outro ponto da conversa a atendente destaca ainda que não há equipes da concessionária para permanecer no local, uma vez que as mesmas realizavam inspeções em outros trechos da BR-364. 
Sem qualquer posicionamento ou garantia da remoção do veículo, a conjunto permaneceu no local do acidente ao longo da noite desta quinta-feira (24), por volta das 22h um novo princípio de incêndio ocorreu, em minutos as chamas consumiram todo o veículo, inclusive o cavalo-mecânico, que não havia sido afetado pelo primeiro incêndio. 
Nesta sexta-feira (25) porta volta das 16h o veículo ainda permanecia sem remoção, as margens da BR-364, transformando um tombamento em um prejuízo incontável para a transportadora. 
Vale lembrar ainda que a remoção de veículos acidentados ou com falha mecânica em rodovias privatizadas até uma das bases da concessionária é uma obrigação prevista no contrato de concessão. 

O motorista
Segundo informações da própria 
Rodojunior Transportes e Logística Ltda, o motorista sofreu alguns ferimentos, mas passa bem. 

Resposta da concessionária
O Blog Caminhões e Carretas entrou em contato com a concessionária Rota do Oeste, que não se pronunciou até o fechamento desta matéria. 
Bombeiros no local, após o acidente
Segundo incêndio - Noite de 24/08
TEXTO: Lucas Duarte
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários:

  1. Eeeeeeee Brasil. sem comentários. Esquema é colocar um processo nessa concessionária de merda.

    ResponderExcluir