L71: 650.000 km rodados sem abrir o motor

Lá na década de 60, foi feito um anúncio para contar uma história bem curiosa: a de um caminhão L71 importado, que andou 650.000 km antes de ter que abrir seu motor pela primeira vez. O veículo em especial foi adquirido pela Transportadora Castro, de Pirassununga, em 1956.
O caminhão, que andou aproximadamente 1.605 viagens com trajetos de São Paulo ao Rio de Janeiro, em quase 18.000 horas de serviços, se destacavam pelo diferencial de transportar mais carga em menos viagens, fazendo com que o frete rendesse muito mais por percurso rodado.
Por contar com uma excepcional robustez e resistência, os caminhões ‘Scania-Vabis’ ganharam fama no mundo inteiro e ficaram conhecidos como os verdadeiros ‘reis da estrada’ em todo mundo. O L71 era impulsionado por um motor D642, de 9,35 litros e seis cilindros, com injeção direta e 150 cv. A capacidade máxima de tração chegava a respeitáveis 35 toneladas.
FONTE: Scania 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário