Estudo revela o perfil do caminhoneiro conectado

Sabemos que o transporte rodoviário de cargas é fundamental no Brasil, sendo responsável por transportar mais de 60% de tudo que é produzido no país. Mas o grande responsável pelo funcionamento desse setor é o caminhoneiro. Estima-se que no Brasil existam cerca de 2,2 milhões de motorista de caminhão, dos quais 950 mil são caminhoneiros autônomos. 
Mas como é a relação desse público tão grande com internet? Dados da “Pesquisa CNT de perfil dos caminhoneiros 2016”, da Confederação Nacional do Transporte revelam que, 65,9% dos caminhoneiros entrevistados usam a internet, dos quais 86% acessam via dispositivos móveis (celulares) e, mais de 77% fora do ambiente doméstico.
Mas como é o comportamento dos caminhoneiros na internet? Quais são os interesses dos caminhoneiros? Como é o consumo de mídia online desses profissionais? Buscando responder questões como essa a Agência DGBZ, especialista em negócios digitais, preparou uma análise um pouco mais aprofundada sobre o público caminhoneiro, para auxiliar as empresas à desenvolverem ações estratégicas mais assertivas.
O estudo denominado "O perfil do caminhoneiro conectado" foi desenvolvido com base em uma pesquisa envolvendo 10 principais portais de notícias sobre transporte que se destacam atualmente no Brasil (O Blog Caminhões e Carretas, o Blog do Caminhoneiro e o Midia Truck Brasil estão entre os destaques). 
Segundo a Agência DGBZ, uma das informações que chama a atenção é que de 36% das visitas aos sites especializados originam das redes sociais, sendo 99% destas visitas provenientes de cliques em links publicados no Facebook.
Além do detalhamento completo do comportamento do caminhoneiro na internet por meio de sites e redes sociais, o estudo  indica caminhos que podem ser seguidos pelas empresas para atingir o público caminhoneiro no Brasil, além de insights que orientam investimentos em mídia, uso de ferramentas e estratégias digitais para engajar com a comunidade. 
A agência DGBZ disponibilizou o estudo de forma completa e gratuita confira: CLIQUE AQUI

TEXTO: Lucas Duarte
Blog Caminhões e Carretas 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário