> | | | | | | | > Ranking aponta os modelos de caminhões mais roubados e furtados no Brasil

Ranking aponta os modelos de caminhões mais roubados e furtados no Brasil

Posted on 5 de novembro de 2013 | No Comments

Os caminhões Mercedes Benz Axor, Hyundai HR, Ford Cargo, Volvo FH440 e Iveco Stralis são os cinco modelos mais visados pelos bandidos no Brasil. É o que revela um levantamento do Grupo Tracker, que é a maior empresa de rastreamento e monitoramento do país. 
Juntos, eles correspondem a 44% do total de veículos pesados com rastreador Tracker roubados e furtados em 2013 (lista completa abaixo). Só no primeiro semestre, a empresa registrou 291 eventos, uma média de três caminhões roubados a cada dois dias. 
O Grupo Tracker comercializa produtos para rastreamento e monitoramento de caminhões e frotas. Os dispositivos contra roubo e furto são o Tracker Caminhão e o Tracker Carreta, que utilizam a tecnologia de radiofrequência, imune à ação de inibidores de sinais - jammers. “Mesmo em túneis, subsolos ou galpões, os produtos baseados na tecnologia de radiofrequência possibilitam a localização, logo são os mais recomendados para situações de roubo ou furto de veículos”, revela o gerente de Marketing e Produtos, Marcelo Orsi. 
Já para monitorar caminhões ou frotas, o Grupo Tracker oferece produtos GPS/GPRS com sensores e atuadores e também o Tracker Log, que além de monitorar a frota, também localiza e recupera o veículo em caso de roubo e furto, uma vez que utiliza a tecnologia de radiofrequência. “O Tracker Log disponibiliza mais de quarenta combinações de sensores e atuadores, entre eles sensores de portas, de violação, de pânico (botão para ser acionado pelo motorista), de temperatura, de engate da carreta, de RPM (auxilia na gestão do funcionamento do motor), horímetro (controle de tempo), bloqueio eletrônico, sirene, pisca alerta (para alertar usuários da via de uma situação anormal) e teclado (para veículos que precisam de uma comunicação escrita com a gerenciadora)”. 
O grande diferencial dos produtos do Grupo Tracker é a cobertura nacional e internacional. “Um caminhão que for roubado no Brasil, por exemplo, e atravessar a fronteira para os países vizinhos poderá ser rastreado pela nossa rede de antenas de radiofrequência”, completa Marcelo Orsi. 
O Grupo Tracker pertence ao Tracker VSR Group, que está presente em 19 países, entre eles Colômbia, Venezuela, América Central, Alemanha e Espanha. Atualmente é a maior empresa de rastreamento do país, oferecendo produtos para os mercados Segurador, Transporte e Logística, Construção Civil e Agrícola, além de veículos de passeio. 
Em treze anos de atividade, já recuperou mais de 27 mil veículos, evitando um prejuízo de cerca de R$ 2 bilhões. No Brasil, foi a primeira empresa do setor a obter a Certificação da ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas. Também é certificada pela ANATEL, ANAC, CESVI e TUV. 

Ranking: 
Mercedes Benz Axor: 11%

Hyundai HR: 9,28%

Ford Cargo: 8,93%

Volvo FH440: 7,56%

Iveco Stralis: 7,22%

Mercedes Benz 1620: 6,19%

Iveco Daily: 5,84%

VW 24250: 5,84%

Scania R124: 5,15%

VW Worker: 4,81%

Scania G420: 4,12%

Mercedes Benz Atego: 3,78%

VW 15180: 3,78%

Mercedes Benz Accelo: 2,75%

Scania G380: 2,75%

VW 18310: 2,41%

VW 19320: 2,41%

Mercedes Benz 1634: 2,06%

Scania G400: 2,06%

VW 8150: 2,06%
FONTE: Segs