Facchini

Randon New R

Cinco caminhões Scania R 770 V8 XT são escolhidos para operações com super rodotrens

Scania R 770 V8 puxando três semirreboques sider na Austrália
Divulgação

Combinados com três semirreboques sider, caminhões Scania V8 já operam com até 113 toneladas de PBTC em uma rota de mais de 3.000 quilômetros de Norte a Sul na Austrália

Google News
Em uma terra marcada por longas e desafiadoras operações rodoviárias, dominadas principalmente pelos caminhões norte-americanos, os modelos de origem europeia também estão conquistando um importante espaço e provando que dão conta do recado. Estamos falando da Austrália. Por lá, a Energy Logistix passou a contar nos últimos meses com um poderoso reforço na frota, cinco caminhões Scania R 770 V8 XT.

Destinados a operações com super rodotrens, os extrapesados já atuam em configurações com até 113 toneladas de Peso Bruto Total Combinado (PBTC), sendo, um cavalo mecânico combinado com até três semirreboques sider, totalizando assim 14 eixos e 54 pneus. Os gigantes operam atualmente em uma rota de pouco mais de 3.000 quilômetros de norte a sul na Austrália, entre as cidades de de Adelaide e Darwin.


Para atender com precisão as necessidades operacionais e vencer as condições desafiadoras, os caminhões Scania foram cuidadosamente customizados e equipados. Destaque para a presença de um para-choque reforçado na parte dianteira, protetor para-brisa, quebra-sol, faróis de LED extras, tanque de combustível adicional atrás da cabine, kit rodoar nos eixos traseiros do cavalo mecânico e pacote off-road XT.

Os caminhões Scania recém-adquiridos pela transportadora australiana contam ainda com cabine Highline, motor de 16 litros, oito cilindros em V, 770 cavalos de potência e impressionantes 3.700 Nm de torque, além de transmissão automatizada Opticruise e tração 6x4 com cubos redutores.


Frota de caminhões Scania R 770 V8 na Austrália
Divulgação


NOTÍCIA ANTERIOR PRÓXIMA NOTÍCIA