Gigante europeia aumenta salários e investe na contratação de motoristas de outros países

Girteka Logistics/Divulgação

Somente em 2022, a Girteka Logistics já promoveu reajustes salariais que se somados chegam a 40%; empresa conta com uma frota de 9.000 caminhões

Google News
A crescente falta de motoristas segue assolando o transporte rodoviário de cargas ao redor do mundo. Na Europa por exemplo, continente mais afetado pelo déficit de profissionais, nem mesmo a maior transportadora da região, a Girteka Logistics, escapa deste desafio. 

Na tentativa de reverter este cenário, a companhia com sede na Lituânia vêm investindo significativamente em aumentos salariais, bem como na contratação de motoristas estrangeiros, através de negociações com legisladores que buscam a flexibilização das regras para entrada de imigrantes trabalhadores.


Somente em 2022, a gigante europeia já realizou três aumentos salariais consecutivos que se somados, variam de 30 a 40%. Apesar de não revelar os valores, a companhia lituana explica que as remunerações variam conforme o país de contratação de cada motorista, mas geral são compostas por um salário base previsto no contrato trabalho e acrescido de benefícios, como por exemplo, uma ajuda de custos diária.

A empresa também vem promovendo frequentemente projetos internos de incentivo aos motoristas. Destaque para competições de direção econômica que contam com bônus salariais como prêmios. 

Treinamento de novos motoristas
Uma vez que os aumentos salariais e concessões de bonificações não são suficientes para atrair motoristas experientes e mantê-los no quadro de colaboradores, ao mesmo tempo em que a frota segue sendo ampliada de forma significativa, a Girteka Logistics também vêm investindo no treinamento de novos profissionais. Atualmente a companhia conta com três centros de treinamento no continente europeu, responsáveis por avaliarem e qualificarem novos profissionais. 


Recrutamento de motoristas estrangeiros
Entre outros fatores, a crescente falta de caminhoneiros no transporte europeu é justificada também pelo desinteresse dos profissionais mais jovens. Diante dessa realidade, a contratação de motoristas estrangeiros é apontada como uma das alternativas para fechar o elevado número de vagas existentes no mercado. Entretanto, a imigração segue sendo uma questão delicada e extremamente burocrática, especialmente nos países que compõem a União Europeia. 

Com o objetivo de reverter este cenário e acelerar a contratação de colaboradores estrangeiros, a Girteka Logistics vem promovendo e participando constantemente de reuniões com consulados e autoridades de países europeus, na tentativa de incentivar a flexibilização de regras. Além disso, a transportadora lituana também vêm investindo na contratação de motoristas da Ásia e de países como o Quirguistão e Uzbequistão.


Uma das maiores frotas do continente europeu
Os investimentos constantes na tentativa de atrair novos motoristas são justificados pelos números impressionantes da frota da companhia. Atualmente a Girteka Logistics conta com 9.000 caminhões e 9.800 semirreboques que se consolidam como uma das frotas mais jovens do velho continente.

Girteka Logistics/Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários