Fretebras Superior

MAN apresenta primeiro TGX 100% elétrico ao mercado europeu

MAN Truck & Bus/Divulgação

Primeiro protótipo da montadora, marca a antecipação dos planos em relação às soluções de mobilidade movidas a combustíveis alternativos; produção em série está prevista para começar em 2024

Google News
Com o objetivo de acelerar a mudança para veículos comerciais de emissão zero, a MAN Truck & Bus revelou ao mercado europeu nesta quinta-feira, 17 de fevereiro, o seu primeiro extrapesado 100% elétrico voltado para operações de longa distância.

Baseado na consagrada de linha de caminhões MAN TGX, o primeiro protótipo eTruck da montadora de origem alemã, marca a antecipação dos planos em relação às soluções de mobilidade movidas a combustíveis alternativos. Prova disso, é a antecipação do início da produção em série da linha para 2024. Na ocasião serão entregues os primeiros 200 exemplares, produzidos em Munique, Alemanha.

"Precisamos acelerar ainda mais a eletrificação de nossa frota. No entanto, só conseguiremos aumentar a mobilidade elétrica se apoiarmos nossos clientes em sua transição e os convencermos a fazê-lo. Para isso, estamos criando soluções digitais integradas e cobrando ofertas", disse CEO da MAN, Alexander Vlaskamp.

"A MAN está acelerando sua transformação e dando grandes passos em direção a sistemas de acionamento sem emissões. Nosso foco na MAN e no Grupo TRATON está claramente em baterias acionamentos elétricos. Eles formam a base para nossos caminhões elétricos pesados, que lançaremos no mercado a partir de 2024.", afirmou Alexander Vlaskamp, ​​Presidente do Conselho Executivo da MAN Truck & Bus.


Caminhões movidos a hidrogênio
Além de acelerar o aumento da mobilidade elétrica, a fabricante alemã de veículos comerciais também está intensificando as pesquisas sobre o uso de hidrogênio. Segundo, a marca, o desenvolvimento, produção e comercialização de caminhões 100% elétricos à bateria é o primeiro passo antes de uma transição para os modelos movidos a hidrogênio.

Também para 2024, a MAN Truck & Bus promete entregar os primeiros cinco protótipos movidos a hidrogênio. Os exemplares farão parte de um projeto de pesquisa batizado de "Bavarian Fleet", uma iniciativa que conta com um financiamento de 8,5 milhões de euros por parte do estado da Baviera. 

Os extrapesados equipados com células de combustível serão entregues as empresas BayWa, DB Schenker, GRESS Spedition, Rhenus Logistics e Spedition Dettendorfer que os colocarão em operações reais por um ano. 

A expectativa da montadora alemã é de que os caminhões equipados com células de combustível a hidrogênio se tornem uma realidade e mais atrativos a partir de 2030, quando haverá maior infraestrutura, disponibilidade de hidrogênio e menores custos em relação ao combustível.

MAN Truck & Bus/Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários