IVECO A gente nao para

Meritor Brasil celebra 65 anos de história e sucesso

Meritor/Divulgação

Líder do mercado de eixos e sistemas de drivetrain para veículos comerciais, a Meritor Brasil, celebra agora em 2021, 65 anos de história no País. Ao longo da trajetória de sucesso, marcada principalmente por inovação e tecnologias de ponta para evolução do setor, a fabricante já contabiliza um total de 8.700.065 de eixos produzidos, sendo 3.500.065 unidades dedicadas exclusivamente a veículos comerciais.

Com participação expressiva de 50% no mercado brasileiro de veículos comerciais acima de 6 toneladas, a Meritor Brasil projeta um futuro promissor e sustentável, através da promoção um ambiente de grandes transformações para o setor. Destaque para o início da produção do primeiro trem de força elétrico 14xe, desenvolvido pela marca Blue Horizon, unidade de negócio dedicada a novas tecnologias para a mobilidade.

“Por sermos uma empresa global e trabalharmos com as engenharias integradas, o 14xe, desenhado para equipar caminhões médios e pesados entre 9t e 26t de PBT nas configurações 4x2 e 6x2 e entre 26t e 40t de PBTC na configuração 6x4, já está em fase de prospecção no Brasil”, diz Adalberto Momi, vice-presidente da Meritor para América do Sul.


Além das comemorações, a Meritor Brasil também confirma o início do desenvolvimento dos próximos produtos da Blue Horizon, os eixos elétricos 12Xe e 17Xe, cujos testes estão previstos para começar no início de 2022. O trem de força 12Xe será oferecido para caminhões entre 6t e 19t de PBT, de até 200kW de potência contínua nas configurações 6x2 ou 4x2. Já o Powertrain 17Xe irá equipar caminhões entre 26-44t de PBTC e fornecendo até 430kW de potência contínua nas configurações 6x2 ou 4x2.

Outra grande novidade da Meritor Brasil neste ano, é o início da produção neste semestre, do novo MS-160 EVO, uma evolução do seu antecessor. O eixo traseiro de simples redução para aplicações de até 45 toneladas na versão solo e de 74 toneladas na versão tandem recebeu melhorias e está mais leve, mais robusto e com novo design envolvendo a integração de componentes, atendendo às necessidades do segmento de pesados na América do Sul. Segundo a fabricante, a novidade trará mais confiabilidade e desempenho às aplicações mais severas nas quais são utilizadas atualmente, como caminhões rodoviários, construção, coleta de lixo e nas aplicações de ônibus urbanos e rodoviários.

Os 65 anos de história e sucesso da Meritor Brasil também são marcados por importantes e duradouras parcerias com as principais montadoras do país, sendo, a Volkswagen Caminhões e Ônibus (VWCO), Iveco, Mercedes-Benz, DAF, Volvo e Agrale, através da oferta de uma ampla gama de produtos que transmite a força do motor da caixa de transmissão até as rodas. Entre simples, duplos e tandem, os eixos fabricados na planta de Osasco (SP) variam entre 6 e 125 t de Peso Bruto Total Combinado (PBTC).
 


Com metade do mercado de eixos acima de 6 t e 60% de participação em veículos pesados, a produção da Meritor Brasil segue alinhada com o comportamento do mercado brasileiro de veículos comerciais. A fabricante prevê em 2021 um crescimento de 90,48% em relação ao ano passado, ou seja, de 63 mil eixos produzidos em 2020 para 120 mil eixos em 2021.

“Apesar de estarmos otimistas com a alta demanda e a fila de espera, após ano de retração por conta da pandemia, teremos de ser cautelosos com a cadeia de suprimentos, tanto local quanto internacional, já que competimos com outras regiões do mundo e precisamos compartilhar os volumes e preços das commodities que estão em alta”, diz Kleber Assanti, diretor de Vendas e Marketing da Meritor para América do Sul.
 
O planejamento estratégico, no entanto, fortalece o atendimento da Meritor Brasil às necessidades do complexo em que atua. Para Rafael Souza, diretor de Compras da empresa, “há um trabalho em andamento para evitar o desabastecimento; estamos antecipando os movimentos para gerarmos alternativas que são inclusive divididas com os nossos parceiros, com a ampliação dos canais e adesão de múltiplas fontes em toda a nossa cadeia”.
 
As duas últimas décadas para a Meritor Brasil foram marcadas pelo desenvolvimento de pessoas e melhorias contínuas nos processos da empresa. “Investimos no parque industrial, na modernização para elevar a capacidade de nossas instalações com implantação de processos de manufatura mais eficientes e robotizados, além da expansão e atualização do LEM, nosso Laboratório de Ensaios Mecânicos, tornando-o referência global”, comenta Alexandre Marien, diretor de Operações da Meritor para América do Sul.

Meritor/Divulgação
Com informações: Meritor

Postar um comentário

0 Comentários