Mercado de implementos encerra 2020 com mais de 121 mil unidades vendidas

Coopercred Implementos
Superando as projeções e confirmando o ritmo de recuperação, o mercado brasileiro de implementos rodoviários encerrou o ano de 2020 em crescimento. O saldo positivo é confirmado pela Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários (ANFIR).

De acordo com o balanço oficial da entidade, de janeiro a dezembro, 121.891 implementos rodoviários foram emplacados em todo o Brasil, leve crescimento de 0,77% em relação ao mesmo período de 2019, quando foram comercializadas 120.962 unidades. 

“O resultado mostra como o mercado reagiu em alguns segmentos cujo resultado foi a estabilização das perdas de forma geral”, analisa Norberto Fabris, presidente da ANFIR. Na avaliação da entidade, setores como o agronegócio, construção civil e transporte de remédios e alimentos foram os grandes responsáveis pela recuperação do segmento.


Considerando cada segmento separadamente, até dezembro de 2020 foram comercializados 67.403 reboques e semirreboques, crescimento de 6,16% em relação a 2019, quando foram comercializadas 63.494 unidades.

Já o segmento de carrocerias sobre chassi chegou ao fim de 2020 com um total de 54.488 unidades comercializadas, queda de 5,19% em relação a 2019, quando foram comercializadas 57.468 unidades.

2021
“Neste ano, a expectativa é que mais segmentos se juntem a esses pilares da recuperação do setor e também reajam positivamente” diz Fabris que conclui: “esperamos registrar em 2021 crescimento entre 8% e 10%”.


Postar um comentário

0 Comentários